• Tire suas dúvidas sobre pedidos, trocas e devoluções.
    Atendimento nos dias úteis das 9h as 18h.
  • Receba dicas de estilo, via Whatsapp, para realizar uma compra personalizada!

sua mochila está vazia

      Tag: stylists farm

    • de olho na raiz do brasil

      bola_indio

      A mini-coleção FARM na Aldeia trouxe uma experiência incrível. Além do co-branding com o Instituto Menire,  a gente descobriu que a Fê Pacheco, stylist da loja do Fashion Mall, acabou de se formar em Desenho Industrial e escolheu a cultura dos índios como tema do seu projeto final. É claro que a gente morreu de amores e quis saber mais. Vem ver!

      indio1

      “Escolhi os índios pela importância que representam na nossa cultura, dos costumes ao trabalho artesanal. Hoje, esse trabalho conquistou uma posição de destaque tanto na moda brasileira como no mercado de decoração. Eles são a raiz do nosso país e quis despertar isso através de aspectos gráficos”, conta a Fê.

      indio2

      O objetivo do projeto final da Fê foi elaborar uma linha de estampas, traduzindo a riqueza da cultura indígena através de traços marcantes. “Hoje, como designer, vejo que esse projeto foi muito importante pra mostrar o valor do trabalho manual e como os índios retiram da natureza os recursos pra criação de suas pinturas e artesanatos”

      indio4

      “Para me aproximar da estética indígena,  fiz os desenhos à mão e com tinta nanquim, assim conseguia sentir os traços livres. As linhas riscadas com pincel trouxeram diferentes espessuras e também algumas falhas, características que atribuí à identidade das estampas”, explica a Fê.

      indio3

      A gente achou o projeto final uma forma bonita de registrar a originalidade brasileira. Pra Fê, FARM na Aldeia caminha pro mesmo lado e valoriza a estética indígena através de pintura e padronagens étnicas.

      indio5

      Foi muito bom trocar ideia com ela e descobrir um pouquinho mais da sua visão sobre essa estética que a gente ama tanto! Nem precisa dizer que a gente ficou super orgulhosa com o resultado do projeto final, né? 😉

      24.08.14
    • time de stylists – parte 2

      mundo_farm_02

      Depois de conhecer aqui as stylists do Centro II e do Rio Design Leblon, chegou a hora de saber mais sobre a Fê Pacheco, do Fashion Mall, a Fê Tolen, do Rio Design Barra, e a Amanda, de Ipanema. Olha o nosso papo com elas:

      1_stylists2

      Qual a sua trajetória na moda?

      Fê Tolen: Nasci e cresci em meio aos tecidos e retalhos da minha mãe, cursei Design de Moda junto com teatro. Não deu outra e me apaixonei por figurino e produção de Moda! Me mudei para o Rio em 2008, trabalhei como personal stylist, fiz figurinos pra teatro, até que surgiu a oportunidade de entrar pra equipe FARM como Stylist!

      Amanda: desde que era bem pequenininha já era toda independente na forma de me vestir, quando acabei o ensino médio fiz cursos de moda no Senac, mas faculdade de artes cênicas, onde comecei a trabalhar como figurinista de algumas peças de teatro, até que entrei como stylist na loja de Ipanema.

      Fê Pacheco: Sempre gostei de desenhar, estudei Desenho Industrial e me formei na PUC em Comunicação Visual. Durante a faculdade fiz dois cursos de moda fora do Brasil, um em Londres no Istituto Marangoni e outro na FYT em Nova York e a partir daí descobri a paixão pela moda! Como já tinha sido estagiária da Farm fiquei muito feliz de voltar para a empresa no cargo de Stylist.

      2_stylists2

      Como você ajuda as clientes na hora das comprinhas na FARM?

      Fê Tolen: Começo sempre por entender o estilo da cliente e o que ela procura, vamos sempre trilhando um caminho que vai desde o gosto pessoal dela às produções que ela pode fazer com este gosto. Nunca tiro a identidade da cliente, pois ela precisa se sentir confortável dentro do look, se sentir bonita.

      Amanda: Eu sempre tento ajudar as clientes da maneira mais natural possível, muitas vezes elas chegam com a dúvida de como se vestir pra um determinado evento ou querem ajuda pra combinar uma peça que elas gostaram muito, mas não sabem o que usar de complemento, e aí eu vou conversando com elas, pegando informações pra buscar a essência do estilo de cada uma.

      Fê Pacheco: Acho que primeiro de tudo é importante entender quem é o cliente e o que ele deseja no momento, pra deixá-lo à vontade. Procuro sempre mostrar a coleção como um todo, dou dicas das peças que apostamos como tendência e levo sempre produções de looks completos para a cliente visualizar melhor a idéia.

      3_stylists2

      Qual o seu estilo, e onde busca inspiração de moda?

      Fê Tolen: Essa é difícil! Sou mineira do interior, e como tal adoro uma peça vintage (tenho várias!). Amo a natureza, o conforto. Sigo muito a linha do hippie chic.

      Amanda: Não tenho como classificar, gosto de usar peças confortáveis, mais larguinhas, confesso que tenho pouquíssimas roupas arrumadas. Minha inspiração com certeza vem das viagens que amo fazer, cores e movimentos do lugar.

      Fê Pacheco: Sempre gostei muito de me arrumar, considero meu estilo como casual e urbano. Sempre gosto de fazer interferências do básico com estampas, adoro misturar texturas de renda e tricô. Estou agora na fase da franja, muito ligada a esse movimento do gypset e também do sportswear, nossa querida linha da adidas que dá essa carinha mais urbana. Todo mês compro a Vogue Brasil!

      4_stylists2

      E suas apostas preferidas da coleção atual?

      Fê Tolen: Minha maior aposta são as peças de jacquard, são muito versáteis e podemos criar desde produções mais rústicas às mais sofisticadas. As saias midi são um amor eterno, as franjas e peças artesanais, são as que mais me iluminam.

      Amanda: Atualmente tenho gostado muito dos macacões longos, as estampas com uma pegada mais indiana, e as peças jeans estão surreais de maravilhosas!

      Fê Pacheco: a saia em todos os comprimentos, mini, midi e longa com fenda. Blusas com silks. Uma linha que aposto muito também é a artesanal, com essa mistura de materiais e tramas, acho uma tendência bem contemporânea.

      Aproveita agora pra ir na loja conhecer elas e fazer suas comprinhas com calma! 🙂

      09.05.14
    • time de stylists – parte 1

      mundo_farm_02

      Sabe aquela pessoa que entende de moda e sempre dá bons conselhos na hora das comprinhas? Sabia que você pode esbarrar com ela em algumas lojas da FARM aqui no Rio? Porque a gente tem um time de stylists, meninas simpáticas e antenadas que estão sempre prontas pra ajudar! E hoje a gente vem saber mais sobre duas delas, a Thayná, do Centro II, e a Gabi, do Rio Design Leblon:

      1_stylists

      Oi meninas! Contem pra gente um pouco da trajetória de vocês na moda?  

      Thayná: sou figurinista por formação, amo Moda e sempre fui ligada à Arte. Faço parte de um grupo de intervenção artística, já trabalhei como figurinista de teatro, filme e tv. Tenho uma paixão imensa por street style e tudo que vem ligado à personalidade e irreverência, acho que cada um faz a sua moda e pode se reinventar a cada dia. Nas horas vagas coleciono artigos de revistas de tendências, customizo, desenho e invento, invento e invento.

      Gabriela: sou de Santos e, me mudei para o Rio quando fiz estágio como assistente de figurino no The Voice Brasil. Eu já era formada em Moda e tinha morado em Paris, depois desse desafio eu decidi continuar morando no Rio, mas precisava de trabalho fixo. Comecei na equipe de vendas da Gávea, em 6 meses virei VR da loja e depois de uma longa seleção virei stylist da FARM.

      2_stylists

      Como você ajuda na hora das comprinhas sendo stylist?        

      Thayná: adoro conversar, saber as dúvidas que elas têm quanto às combinações de estampas e texturas, o que combina com o corpo de cada uma, qual a roupa mais apropriada para cada ocasião, etc. Troco contatos e estou sempre disponível pra qualquer dúvida. Adoro fazer com que elas se sintam especiais e seguras nas produções e que façam suas compras com sabedoria. Quero construir uma relação de carinho pra que elas se sintam cada vez mais à vontade com as minhas sugestões e voltem mais vezes, mesmo que só para um bate-papo!

      Gabi: procuro ‘ler’ a cliente pra começar a entendê-la. Não só presto atenção em como ela está vestida, mas também converso  pra captar a intenção dela, a imagem que ela quer passar e por aí vai. Depois disso, tento alinhar o gosto da cliente com peças que possam criar um visual incrível nela, mesmo que às vezes ela se surpreenda positivamente com alguma modelagem que nunca imaginou que fosse vestir tão bem. E isso quando acontece é muito legal!

      3_stylists

      Qual o seu estilo, e onde busca inspiração de moda?        

      Thayná: sempre gostei de roupas confortáveis, como calças largas, batas e vestidos esvoaçantes. Me identifico com os anos 70, o que atualmente tem um “quê” de boho, com franjas, pantalonas, mix de texturas, peças artesanais vendidas em feirinhas, “couro” e muitos acessórios. Adoro feiras ao ar livre e brechós, Lavradio que o diga! Como adoro pesquisar, não passo um dia sequer sem entrar no Pinterest e no Tumblr.

      Gabi: eu sou urbana. Completamente! Acredito que nosso estilo é formado por um pouquinho de tudo que já vivemos, dos lugares que visitamos e moramos e de como nos deixamos ser tocados por tudo isso. Minha inspiração é em tudo que está ao meu redor. Minha cabeça não para nunca e isso me faz absorver muitas informações. O que faço depois é adaptar esse turbilhão de infos imagéticas ao meu guarda roupa.

      4_stylists

      E as suas apostas da coleção atual?        

      Thayná: As peças de Jacquard são ótimas, pesadas e deixam os looks mais invernal, porém na medida certa. Aposto também nas parkas étnicas e nos maiôs usados como body, que dão um ar elegante e muito versátil, tanto pra um pós-praia quanto pra noite.

      Gabi: sem dúvida os kimonos e as peças esportivas da parceria com a adidas Originals. Qualquer look básico ganha um up giga com um kimono. E sobre as peças da colab acho que nem preciso falar muito, são o must have da coleção. Inserir ou uma jaqueta ou tênis, por exemplo, em um look caretinha transforma total a produção.  Usar peças esportivas só na academia ficou no passado.

      5_stylists

      Curtiu o bate-papo? Passa na loja pra conhecer as meninas pessoalmente e fica de olho que em breve a gente conta mais sobre as stylists das outras lojas!

      30.04.14