• Tire suas dúvidas sobre pedidos, trocas e devoluções.
    Atendimento nos dias úteis das 9h as 18h.
  • Receba dicas de estilo, via Whatsapp, para realizar uma compra personalizada!

sua mochila está vazia

      Tag: safári

    • mochilão: áfrica do sul

      bola_africadosul

      A Luciana, nossa colaboradora aqui do adoro!, foi passar 10 dias pelas terras de Nelson Mandela e chegou com uma mala cheia de dicas pra quem quiser passear por lá. Vacina de febre amarela em dia, e partiu África do Sul!

      africadosul1

      A primeira parada foi no estado de Hoedspruit (conhecido como Wildlife state), onde ficam o Kruger Park e outras reservas de vida selvagem. Por lá, a boa é passar no mínimo três dias pra poder conseguir ver o maior número de animais possível – especialmente os que eles chamam de ‘big five’: leão, búfalo, elefante, rinoceronte e leopardo.

      africadosul2

      O kruger tem 20.000 km2, então prepare-se pra rodar por pelo menos quatro horas em cada safári – o ideal é ir duas vezes: pouco antes do amanhecer e pouco antes do fim de tarde, mas as reservas privadas, fora do Kruger, já tem esses horários esquematizados.

      africadosul3

      Onde ficar: existem acomodações para todos os bolsos, desde Camps, onde você aluga espaço pra montar a barraca e tem cozinha e banheiros públicos; passando por Safári Tents, que são quartos com o formato de uma tenda, onde tudo é de lona, mas tem móveis (mais fácil que acampar); bangalôs, de alvenaria, com banheiro e cozinha; até os Lodges, que ficam em reservas privadas e tem tours próprios. Reserva tudo aqui ó.

      africadosul4

      Como ir: Você pode se juntar a um tour (de 1 a 5 dias, geralmente saem de Joanesburgo); comprar um daily tour, se estiver hospedado próximo; ou alugar um carro e rodar o Kruger por conta própria. Ah, por lá também rolam game drives, que são saídas com guias em jipes abertos.

      africadosul5

      Cereja do bolo: passeio de balão no amanhecer com vista pras reservas e fazendas da cidade. Incrível!

      africadosul6

      Depois de muitas fotos, bichos e da energia boa que dá ver a vida selvagem tão de pertinho, partimos felizes rumo a Cidade do Cabo, uma das mais bonitas do mundo (e que me lembrou muito o Rio, hehe).

      africadosul7

      O que fazer: são muitas atrações na Cidade, mas vale subir de bondinho pra ver a vista lá do alto da Montanha da Mesa; ir até a península do Cabo e Cape Point (onde fica o Cabo da Boa Esperança, ponta mais extrema da África- cuidado com os babuínos); dirigir pela cênica estrada de Chapman’s Peak Drive; e as praias da Boulders Beach, que ficam perto de Simon’s Town, onde dá pra ver as colônias de pinguins.

      africadosul8

      Também vale pegar um barco até Robben Island, onde o Mandela ficou preso por 18 anos. Os guias de lá são alguns ex-presidiários cheios de histórias pra contar. Uma volta – e muitos cliques – pelo colorido bairro Malaio de Bo-Kaap e tem-de-ir ao Two Oceans Aquarium, onde aos domingos mergulhadores alimentam os tubarões e a tartaruga gigante deles (morri com o aquário dos ‘Nemos’).

      africadosul9

      O Aquário, aliás, fica perto do Victoria & Alfred Waterfront, o centro comercial mais popular, que fica no antigo porto da cidade. Sugiro se hospedar em alguns dos hotéis de lá (ficamos no Table Bay), tem vários barzinhos e pubs nos arredores.

      africadosul10

      Cereja: quem curte vinhos (vale até dar de presente), qualquer hotel consegue um passeio às vinícolas. São muitas, mas dá pra fazer três ou quatro no mesmo dia e os vinhos saem super em conta!

      africadosul11

      Dankie (obrigada em afrikkans), África, até mais!

      06.08.14
    • mama áfrica – parte 1

      bola_africa

      Fazer uma viagem pra um lugar completamente desconhecido, fora do comum nos roteiros mais pedidos. Foi isso que a Marcella Leite, amiga do Adoro, fez mês passado, viajando pela África. E hoje ela veio contar um pouco de onde passou pra gente!

      africa10

      Tanzânia – 3 dias de safári no Serengeti e Ngorongoro

      A boa é acampar  dentro do Serengeti National Park, uma das maiores áreas pra observação animal da África. Nada de muros por lá, podíamos ouvir os rugidos dos leões e o barulho das hienas que rodeavam nosso camping durante a madrugada. Conselho do guia: se der vontade de ir no banheiro a noite é melhor segurar!

      africa2

      Nos dias de safári conseguimos ver os ‘big 5’, os cinco mamíferos mais difíceis de serem caçados pelo homem: leão, elefante, rinoceronte, leopardo e búfalo, e muitos outros animais. Essa é a época de chuvas e os animais migram pra lá em busca de água.

      africa3

      O mais legal é que eles não adaptam o lugar ao turismo, colocando cercas, etc. Quando você fica hospedado num lugar assim você tá em maior contato com a vida selvagem e aprende a respeitar mais os animais e seus hábitos. Você tá lá apenas como observador.

      africa4

      The Maasai people

      Depois do safári visitamos uma vila Maasai. Os Maasai são nômades e migraram da Etiópia pra Tanzânia e pro Quênia. Com mais ou menos 15 anos homens e mulheres são cincurcizados sem nenhum tipo de anestesia.

      africa5

      Não se brinca com um Maasai, dá pra sentir no olhar a força desses guerreiros que matam leões e bebem sangue. Conhecidos como os grandes saltadores, eles se alimentam apenas de leite e carne e junto ao leite adicionam sangue de vaca pois acreditam que dá força e poder.

      africa6

      O que mais me instiga nessas viagens é aprender mais sobre o comportamento humano e as mais variadas culturas, e como sou designer de jóias, visitar essas tribo e ver como eles se adornam é muito emocionante.

      africa8

      Zanzibar

      É uma ilha exótica e charmosa, banhada pelas águas do oceano Índico. Suas praias são de areia branca e águas azul turquesa. O que faz Zanzibar ser tão especial é que sua população é muçulmana e podemos ver uma mistura do oriente com a Africa negra…coloridos véus, plameiras, ruelas, cheiros e sabores!

      africa9

      Afinal, Zanzibar também é conhecida como “ilha das especiarias” por seus temperos únicos e envolventes que condimentam a culinária local. O snorkel é imperdível!

      Curtiu? Em breve a Marcella volta com mais roteiros incríveis pela África!

      17.03.14
    • safári estampado

      É tanto carinho da nossa equipe de designers (um beijo meninas!) pra traduzir o clima da coleção, que algumas estampas são um verdadeiro caleidoscópio de detalhes!

      Dá uma boa olhada aí nessa foto. Não parecem duas estampas? Mas trata-se de uma só! Na verdade, são apenas dois recortes diferentes da mesma padronagem.

      Ela foi criada a partir de fotos clicadas numa viagem conceitual que a nossa equipe fez à África pra se inspirar. O resultado é uma linda colagem de coloridos elementos da natureza.

      Pra entender melhor como é a estampa, é só conferir aqui abaixo. Cada pedacinho tem uma lembrança e uma história – dá vontade até de transformar em quadro.

      Não dá?

      23.11.10
    • o novo desejo militar

      Sabe o desejo militar do inverno? Com toques de alfaiataria, cores mais sóbrias e aviamentos cheios de bossa, que a gente tava com pena de deixar pra trás…. Pois é, a gente arranjou um jeitinho de carregá-lo pra próxima estação e trouxemos ele pro safári!

      Olha como funciona super bem:

      Pra realçar as estampas, os cáquis e verdes funcionam que é uma beleza. E quando a gente cansa do jeans e das cores de verão mais óbvias, olha que boa solução. O legal é dar uma acendida nos acessórios ou detalhezinhos pra deixar o look bem leve.

      Mas se você prefere manter o básico,sem problemas, fica lindo com cores neutras, num clima mais calminho.

      O militar virou safári e continua no nosso coração (e no nosso armário!).

      22.09.10
    • novo lookbook no ar

      E o mês começa cheio de novidadinhas por aqui 🙂 E todas de deixar a gente com aquele sorriso! Entre elas o lookbook de Setembro que traz peças, estampas e acessórios lindos!

      Se você ainda não viu, clica aqui e se prepara pro safári!

      02.09.10