• Tire suas dúvidas sobre pedidos, trocas e devoluções.
    Atendimento nos dias úteis das 9h as 18h.
  • Receba dicas de estilo, via Whatsapp, para realizar uma compra personalizada!

sua mochila está vazia

      Tag: rota ecológica alagoas

    • pérola alagoana!

      bola_alagoas

      O Mochilão de hoje volta em Alagoas, e dessa vez desembarca na Praia de Tatuamunha,  mais um daqueles trechos de areia paradisiacamente intocados da Rota Ecológica. A pintura aqui é mais ou menos assim: modo offline, mar azul clarinho, coqueiros a perder de vista, sotaque arrastado, gente com sorriso fácil e um bocado de dendê. Quem vem?

      1_alagoas

      Só pra situar, a água de Tatuamunha é tão clarinha que a visibilidade chega a 10 metros. Ou seja, lugar maravilhoso pra fazer snorkel, principalmente na maré baixa, quando se formam várias piscinas naturais no mar. Ah, sim, esse é um ponto importante: se ligar na maré antes de programar a viagem, e tentar ir numa época em que a baixa seja durante o dia.

      2_alagoas

      Uma vez lá, também é imperdível fazer o passeio pelo Rio Tatuamunha, onde sem precisar de muita sorte você  vai esbarrar com um peixe-boi. Aliás, eles também aparecem na praia, quando a maré enche. É fácil encontrar com o bichano porque a área, que é superpreservada, abriga além de tudo um projeto de preservação da espécie.

      3_alagoas

      Pra quem vai com crianças, essa  é uma viagem bem bacana. Além do contato com o peixe-boi (que é dócil), a praia é tranquila, o mar é calmo com as piscinas naturais, e tem  atrações extras. Uma delas é o passeio de caiaque no mangue, que fica mais lindo ainda se for na hora do pôr do sol (sempre!). E tem ainda cavalgadas, bike, e a Vila de Tatuamunha, que merece uma visita e tem um casario todo colorido e bem preservado. #embarcou!

      4_alagoas

      COMO CHEGAR: A partir de Maceió, pegar a rodovia AL 101 em direção a Barra de Santo Antonio. Seguir para São Luiz do Quitunde e após a entrada de Flexeiras, virar à direita na Usina Santo Antônio, seguindo as placas para Passo do Camaragibe. Chegando em Passo do Camaragibe, seguir as placas para Barra do Camaragibe e ao chegar na rodovia beira mar seguir em frente, passando por São Miguel dos Milagres até chegar no município de Porto de Pedras. Logo após a ponte do Rio Tatuamunha, já visualizará placas indicando a praia.

      5_alagoas

      ONDE FICAR: Um lugar lindo pra se hospedar é a pousada Borapirá, dos mesmos donos da Beijupirá. Outra pousadinha super charmosa e na beira do mar é a Villa Tatuamunha.

      O QUE FAZER: Visitar o centro de preservação do Peixe-Boi, andar de caiaque no rio Tatuamunha, fazer snorkeling nas piscinas naturais, visitar a Vila de Tatuamunha, e curtir a vida sentindo a brisa bater!

      19.09.13
    • a praia que é um milagre

      Quem não ama  pedaços de areia e mar paradisíacos que nunca recebem excursões e ônibus de turismo. Pra quem tá aí se perguntando se esse pedaço existe, a resposta é São Miguel dos Milagres, em Alagoas.

      Apesar de ficar perto de Maceió, São Miguel tem um dos litorais mais preservados do estado. A nossa colaboradora Gabi Temer esteve por lá e atesta: o mar é verde-clarinho, morno e sem ondas, e ainda é protegido por recifes de corais. Delícia, né?

      Pra entender a vibe, é o seguinte: São Miguel fica na rota ecológica de Alagoas, que reúne outras praias incríveis como a do Patacho, do Riacho, Toque e Tatuamunha.

      Nenhuma tem núcleos urbanos desenvolvidos e pra ir de uma à outra pela areia só mesmo andando. As praias desse pedaço não são ligadas por estradas litorâneas, e é esse o motivo de serem tão preservadas e protegidas.

      O clima é pé no chão, com pousadas deliciosamente charmosas. Esqueça noitadas, e prepare-se pra acordar cedo e curtir a natureza. Uma boa é se ligar na maré antes de programar a viagem, e tentar ir numa época em que a baixa seja durante o dia.

      Assim você vai conseguir fazer o passeio de jangada motorizada até as piscinas naturais e passar horas mergulhando de snorkel. As piscinas de Toque são as melhores, mas tem a opção de Maragogi também. É mais cheio, mas é lindo.

      MAIS PRA FAZER:  Bem pertinho de São Miguel, vale conhecer os pequenos povoados do Toque e Porto da Rua, que têm algumas casas coloniais coloridinhas, lojas de artesanato e simpatia de sobra.

      Outro programa bacana é fazer o passeio pelo Rio Tatuamunha pra observar peixes-boi marinhos que estão sendo reintroduzidos pelo Ibama em seu habitat natural.

      COMO CHEGAR: Saindo de Maceió pela AL-101, siga até  Barra de Santo Antônio e, após atravessar São Luís do Quitunde, deixe a rodovia e vire à direita em direção a Passo de Camaragibe e Barra de Camaragibe. São Miguel dos Milagres está logo ali, a 11 km.

      ONDE FICAR:Pousada da Amendoeira (da foto aí em cima) é uma graça, e tem diárias que ficam em torno de R$300 na baixa estação com café e almoço.

      Tudo bem que todo mundo acabou de voltar de um super feriado. Mas já não dá vontade de arrumar as malas de novo? 😉

      27.02.12