• Tire suas dúvidas sobre pedidos, trocas e devoluções.
    Atendimento nos dias úteis das 9h as 18h.
  • Receba dicas de estilo, via Whatsapp, para realizar uma compra personalizada!

sua mochila está vazia

      Tag: praias do nordeste

    • pérola alagoana!

      bola_alagoas

      O Mochilão de hoje volta em Alagoas, e dessa vez desembarca na Praia de Tatuamunha,  mais um daqueles trechos de areia paradisiacamente intocados da Rota Ecológica. A pintura aqui é mais ou menos assim: modo offline, mar azul clarinho, coqueiros a perder de vista, sotaque arrastado, gente com sorriso fácil e um bocado de dendê. Quem vem?

      1_alagoas

      Só pra situar, a água de Tatuamunha é tão clarinha que a visibilidade chega a 10 metros. Ou seja, lugar maravilhoso pra fazer snorkel, principalmente na maré baixa, quando se formam várias piscinas naturais no mar. Ah, sim, esse é um ponto importante: se ligar na maré antes de programar a viagem, e tentar ir numa época em que a baixa seja durante o dia.

      2_alagoas

      Uma vez lá, também é imperdível fazer o passeio pelo Rio Tatuamunha, onde sem precisar de muita sorte você  vai esbarrar com um peixe-boi. Aliás, eles também aparecem na praia, quando a maré enche. É fácil encontrar com o bichano porque a área, que é superpreservada, abriga além de tudo um projeto de preservação da espécie.

      3_alagoas

      Pra quem vai com crianças, essa  é uma viagem bem bacana. Além do contato com o peixe-boi (que é dócil), a praia é tranquila, o mar é calmo com as piscinas naturais, e tem  atrações extras. Uma delas é o passeio de caiaque no mangue, que fica mais lindo ainda se for na hora do pôr do sol (sempre!). E tem ainda cavalgadas, bike, e a Vila de Tatuamunha, que merece uma visita e tem um casario todo colorido e bem preservado. #embarcou!

      4_alagoas

      COMO CHEGAR: A partir de Maceió, pegar a rodovia AL 101 em direção a Barra de Santo Antonio. Seguir para São Luiz do Quitunde e após a entrada de Flexeiras, virar à direita na Usina Santo Antônio, seguindo as placas para Passo do Camaragibe. Chegando em Passo do Camaragibe, seguir as placas para Barra do Camaragibe e ao chegar na rodovia beira mar seguir em frente, passando por São Miguel dos Milagres até chegar no município de Porto de Pedras. Logo após a ponte do Rio Tatuamunha, já visualizará placas indicando a praia.

      5_alagoas

      ONDE FICAR: Um lugar lindo pra se hospedar é a pousada Borapirá, dos mesmos donos da Beijupirá. Outra pousadinha super charmosa e na beira do mar é a Villa Tatuamunha.

      O QUE FAZER: Visitar o centro de preservação do Peixe-Boi, andar de caiaque no rio Tatuamunha, fazer snorkeling nas piscinas naturais, visitar a Vila de Tatuamunha, e curtir a vida sentindo a brisa bater!

      19.09.13
    • pra ter saudades da bahia!

      bola

      Continuando a viagem pela Bahia que a gente começou aqui, hoje a gente coloca os pés nas praias vizinhas do Forte, que são várias, e lindas. Todas são próximas e dá pra ir num esquema bate-volta pra ficar uma tarde. É só seguir a gente!

      5

      Começando pela Praia da Barra, que tem um rio de águas calmas que desemboca no mar e é uma delícia. A praia é bem tranquila e quase deserta, pelo menos durante a semana, com quilômetros de areia e coqueiros a perder de vista no horizonte.

      praia-da-barra3

      O mar não é muito calmo, mas o rio é uma delícia, tem a água morna e esse cenário idílico. Perto dali fica Itacimirim, outra praia totalmente deserta, curtida pela galera que gosta de um trechinho mais isolado e bem longe do burburinho!

      6

      Nada de bares ou restaurantes, só algumas pousadas e casas dentro de um condomínio. De resto: coqueiros, coqueiros, coqueiros e sal, sol e brisa. Itaci, pros mais íntimos, é isso. E nem precisa de mais. Deixa como está!

      3

      Mas a pérola mesmo é a praia de Imbassaí. Morremos de paixão por ela. Coisa linda de ver, viver e amar. Um rio incrível desembocando num mar mais incrível ainda, bom pra mergulhar (embora não seja uma piscina), com tudo o que a Bahia tem de melhor e mais um pouco.

      4

      Coqueiros a perder de vista, jangadas coloridas, areia branca, brisa fresca e a melhor moqueca da viagem. A única dica preciosa: no fim de semana tudo mudo e a praia lota, então o bacana é ir durante a semana e ficar longe das barracas.

      1

      COMO IR: Chegar nessas praias é fácil. Você pode alugar um carro, mas se a ideia for se deslocar apenas para estes locais, sai mais em conta ir de táxi, que custa em média R$80 a viagem de ida e volta.

      A MELHOR MOQUECA DA VIDA… a gente comer em Imbassaí, na Barraca Porto da Jangada.

      Então já sabe, pega a mochila e segue pra Bahia! 😉

      21.03.13