• Tire suas dúvidas sobre pedidos, trocas e devoluções.
    Atendimento nos dias úteis das 9h as 18h.
  • Receba dicas de estilo, via Whatsapp, para realizar uma compra personalizada!

sua mochila está vazia

      Tag: palitos

    • lar doce lar

      bola_lar

      Projetos independentes, pessoas criativas e negócios sustentáveis. É assim que o LAR estreia amanhã, no Rio de Janeiro, com a promessa de reunir produtores independentes de moda, design e gastronomia. Vale visitar!  (mais…)

      12.12.14
    • coisa de pele

      bola_tatuagem

      O Ricardo já apareceu aqui no adoro ao lado da namorada, Olivia (o casal criou o Palitos, picolés naturais adoçados com mel, lembra?). Agora, ele apresenta a Homemade Tattoo Rio, tatuagens que desenvolve através de técnicas específicas de desenho. Ah! Detalhe: ele mesmo quem fez a própria maquininha pra tatuar. Moço prendado, né?

      tatuagem5

      “Sempre me interessei por desenhos e desde que me entendo por gente gosto de tatuagens. Minha técnica vem do pontilhismo, das hachuras e prefiro os trabalhos mais delicados, por isso, na hora de tatuar, uso agulhas bem finas e só tinta preta. Às vezes, faço detalhes com tinta branca, que é o que o pessoal chama de ‘Black Work“, conta.

      tatuagem1

      Tudo começou há pouco mais de dois anos quando ele fez a própria máquina com um motor de toca-fitas, uma lapiseira, uns fios e uma bateria e, no mesmo dia, tatuou dois amigos: “As agulhas eram descartáveis, mas não apropriadas, então dava muita dor. Meses depois, meus amigos fizeram uma vaquinha e compraram todo material pra mim. Não trabalho em estúdio, tatuo em casa”, explica.

      tatuagem3

      O nome HomeMade Tattoo, inclusive, vem dessa dessa onda caseira no trabalho dele que, claro, é super profissa e ligado na qualidade do material que usa e na higiene local. Ele já passou das 200 tattoos feitas: “O material é todo antialérgico, inclusive as tintas. As vermelhas costumam dar algumas reações durante a cicatrização, mas isso só sabemos depois que a tinta está na pele. Em princípio, todo mundo pode ser tatuado!”, explica.

      tatuagem4

      Anima de fazer uma tattoo? A gente dá força, mas pede pra pensar bem sobre o desenho antes. O Ricardo recomenda trocar ideia com tatuadores diferentes pra ter mais de um ponto de vista, e, além disso, investir nas pesquisas de imagens. O Pinterest tem boas referências e é fácil passar horas por lá pesquisando sem cansar! 😉

      tatuagem2

      Anota aí: pra conhecer mais do trabalho do Ricardo (e marcar uma tattoo hehe) é só correr pra cá. Ah! E não esquece o Palitos depois da sessão, ein! 🙂

      08.12.14