• Tire suas dúvidas sobre pedidos, trocas e devoluções.
    Atendimento nos dias úteis das 9h as 18h.
  • Receba dicas de estilo, via Whatsapp, para realizar uma compra personalizada!

sua mochila está vazia

      Tag: macramê

    • geração de nós

      Em tempos onde nossa geração passa cada vez menos tempo aprendendo habilidades manuais comuns nos tempos das nossas avós, como a costura e o croché, nada mais surpreendente do que ver uma técnica ser passada de mãe pra filha, de geração em geração, e continuar até hoje de maneira revistada. É do Ceará que a Júlia Azul e a Branca Costa, filha e mãe respectivamente, transformaram a técnica do macramê em negócio, em família, claro!  
       

      A técnica do macramê foi passada de mãe pra filha na família: a Júlia aprendeu com a mãe, Branca, que aprendeu com a mãe dela, e assim por diante. Foi durante a maternidade de seu primeiro filho, que a Júlia se viu querendo fazer algo diferente. Despertou várias vontades de criar algo único, e conversando com a mãe, decidiram fazer juntas a UmNosDois, que especializada em hangers de macramê, os móbiles suspensos.


       
      A inspiração delas vem do trabalho regional do Ceará, mas também de outros lugares e formas. A música é uma delas. "A gente costuma colocar uma música bem calma, entrando no clima, entre uma conversa e outra, um café e outro… é assim que a gente vai se inspirando, conversando e pensando juntas". A vantagem do trabalho em conjunto de mãe e filha vai além da intimidade familiar. "A mão na massa é completamente nossa", garantem.
       

      O nome UmNosDois é uma forma de mostrar que o produto delas tem mais de uma função. Um nos dois, e dois em um. De acordo com a Júlia, quando se fala de algo multiuso, "nada mais multifunção do que o ambiente familiar, que tem que se desdobrar em vários segmentos". E é em vários desses ambientes que elas conseguem trazer beleza e optimizar espaços nas casas de várias famílias de Fortaleza.

      Muitas vezes, elas começam uma peça de um jeito, e acabam de uma maneira totalmente diferente. Os nós ditam o caminho, já que na técnica do macramê é possível criar pontos diferente além do padrão. Elas usam o fio sintético e o de algodão, que é o queridinho e a cara da marca cearense. Por ser um artesanato, um trabalho 100% feito à mão, nenhuma peça é igual a outra.

      Fotos: @love2lovefotografia

      A nova coleção "Casa é Ninho" vem no plural – com a proposta de transformar os móbiles em mobiliários. Um balanço se torna uma peça lúdica, um objecto de décor, um suporte em um ambiente, e claro, um balanço de ninar. Mais do que dois em um, se torna quase que um em mil! Mais do que apenas um, ou dois. Pra acompanhar a dupla, sigam nas redes sociais @umnosdois.

      21.07.16
    • faça você mesma: blusa de macramê

      farmdiy-tshirtmacrame-1

      A gente já explicou um pouco sobre a técnica macramê aqui, hoje a gente aprende com as meninas do Girl Etc como usar o macramê além da decoração de casa, dando uma cara nova a uma t-shirt ou regata.

      vcvaiprecisar

      Você vai precisar de: uma t-shirt ou regata de malha (a mais comprida que você achar) e uma tesoura.

      farmdiy-tshirtmacrame-3

      Primeiro, corte a regata em tiras verticais, que será a parte onde os nós vão ser feitos. Por que é importante prestar atenção no comprimento? Pois a blusa vai literalmente encolher, então se você pegar uma peça que vai até a cintura, no fim ela vai ficar mais curtinha versão cropped top. Depende do que você quer!

      farmdiy-tshirtmacrame-4

      Outra questão é que a peça tem que ser de malha. Depois de cortar as tiras (em número par), estique e puxe cada uma pra que as bordas enrolem pra dentro. Como mágica.

      farmdiy-tshirtmacrame-5

      O macramê pode até ser feito com alguma peça de tecido plano, mas com certeza vai desfiar e não sabemos como ela vai se comportar na máquina de lavar!

      farmdiy-tshirtmacrame-6

      Agora vamos aos nós – dê um nó no topo de cada tira pra começar.

      farmdiy-tshirtmacrame-7

      Depois, em pares, junte duas tiras e dê mais um nó. Faça isso em todas as tiras da regata, sempre em duplas.

      farmdiy-tshirtmacrame-8

      A seguir, junte uma tira de uma dupla com uma tira da seguinte dupla, intercalando.

      farmdiy-tshirtmacrame-9

      Siga esse processo até o fim, da esquerda pra direita, de cima pra baixo! Assim vai formando uma rede de nós.

      prafazeremcasa

      Dá pra fazer os nós só na parte da frente, ou só na parte de trás, depende do que você quiser, pois o macramê vai mostrar o que estiver por baixo 🙂

      Pronta pra customizar?

      01.06.14
    • farm entrevista: alander espécie

      bola_alander

      Hoje é dia de conhecer mais um pouco do trabalho de um artista que a gente adora e vai inaugurar mostra imperdível amanhã. Com vocês, Alander Espécie!

      alander1

      Conta um pouco da sua trajetória como artista?

      Minha formação foi em moda na UCAM, em 2001, sou formado em Moda. Mas depois de 3 anos lutando pelos sonhos de ser estilista de uma grande empresa e aprender sobre o macramê, decidi fazer uma viagem pro Sana. Chegando lá encontrei com 4 uruguaios que logo de cara simpatizaram comigo e dominavam o macramê. Foi aí que tive a coragem de pedir pra um deles me ensinar algo que vinha buscando espiritualmente sem saber o porquê. Aprendi e depois tive a certeza de que era capaz de fazer o que eu quisesse, só dependeria do meu querer e da minha dedicação.

      alander2

      Voltei pro mercado de varejo de moda dominando a técnica e tive a oportunidade de assinar uma coleção pra Reserva no SPFW outono-inverno 2009, fiz alguns desenvolvimentos pra marcas femininas, como Shop 126, Q-guai, Patricia Vieira e Gilson Martins. Meus últimos trabalhos na moda foram na Bintang como coordenador de estilo e depois o na HOMEGROWN como fornecimento e estilo, além de ser um colaborador direto da marca.

      alander8

      Minha trajetória na arte é bem recente, já participei de diversos coletivos e ações. Ano passado ganhei um prêmio muito legal do Salão de Design com o balanço bilanx, que foi uma surpresa para mim! Acredito que handmade é o futuro. (OBS: a gente falou do bilanx aqui, lembra? E a foto aí de cima é o Alander fazendo a intervenção no muro da nossa Casa de Verão.)

      alander6

      Por que você escolheu o macramê como técnica principal?

      No mesmo dia em que aprendi essa técnica ancestral de tecelagem manual, tive a certeza de que era com a mesma que iria um dia ser o meu trabalho principal.

      Onde busca inspiração pra sua arte?

      Minha inspiração com certeza é o cotidiano, minha família, meus amigos, a vida, o universo e todos outros artistas e artesões que usam suas próprias mãos e vivem da arte.

      alander5

      Como o Rio influencia seu trabalho? 

      Com certeza toda influência que recebo do Rio vem da natureza, das ruas e da sua beleza natural sem contar a cultura riquíssima de todas as favelas e Morros. Toda essa diversidade me influencia o tempo todo, da hora que acordo até dormir. Estou de olho em tudo, nada passa despercebido! Quase todas as cores e pantones que uso têm como referência natureza, insetos, animais, assim como tudo que está na rua.

      Por onde você anda por aqui?

      Moro no Humaitá e os lugares onde intervenho ou ocupo são aleatórios, não existe uma regra pra isso e nem um local definido, tudo depende do momento ou do suporte a ser trabalhado. Posso estar onde eu quiser, meu trabalho é muito livre e sou eu quem determino onde estarei sempre.

      alander3

      Quais outros nomes da arte brasileira contemporânea você admira?

      Fernando De La Rocque, Maria Nepomuceno e Mozart Guerra.

      alander4

      E amanhã é dia de ir ver a mostra Herdeiro de Tradição – objetos do cotidiano: Ícones do Design, que entra em cartaz no Museu Histórico Nacional. Com curadoria do designer Zanini de Zanine e do entusiasta Marcelo Vasconcellos, ela apresenta 5 peças inéditas feitas com cadeiras assinadas por Michael Thonet, Joaquim Tenreiro, Flavio Carvalho, Zanini Caldas e Sergio Rodrigues.

      Nos vemos lá?

      19.03.14
    • lançamento linha festa

      bola_linhafesta (2)

      Pra quem não aguentava a ansiedade da espera: nosso lookbook festa chegou nas lojas e no e-FARM, oba! Quer ver o que vem por aí?

      linhafesta4

      Nossa festa é praiana, com pé no chão, mas cheia de recortes, fendas e transparências. Um sensual despojado pra quem quer passar a virada perto da natureza, livre, leve e solta… e cercada de energia boa, claro!

      linhafesta1

      Pra quem adora um toque delicado, as peças também trazem a fluidez e a leveza da seda e do tule. A renda, claro, é queridinha e está presente em bordados, blusas e vestidos.

      linhafesta2O macramê e as franjas trazem ainda mais charme à  pegada artesanal de algumas peças, que vêm fresquinhas e vazadas, perfeitas pra usar com biquíni ou tops por baixo.

      linhafesta3

      Quem quiser mais brilho, do shortinho metalizado até longos com bordados delicados, tem pra todos os gostos e festas, é só escolher. O linho bordado também vale na hora de caprichar ainda mais na produção.

      linhafesta5

      Ah, e ainda vale aproveitar a promo pra ganhar um porta-óculos lindo e estampado, rolando somente no e-FARM, nas compras de acima de R$200. Só até dia 28/11 (ou enquanto durarem os estoques)! Nas lojas físicas, a promo Antecipe seu Natal continua!  😉

      27.11.13