• Tire suas dúvidas sobre pedidos, trocas e devoluções.
    Atendimento nos dias úteis das 9h as 18h.
  • Receba dicas de estilo, via Whatsapp, para realizar uma compra personalizada!

sua mochila está vazia

      Tag: lila

    • ah, o dia da rua! ♥

      bola_diadarua

      Tá chegando! É nesse domingo, dia 24, que rola a próxima edição do ‘Dia da Rua‘. Bora curtir uma tarde todinha de música e arte… com direito a um pôr do sol lindão?

      diadarua_3

      Estreando esse ano, o ‘Troca Amor’, ação nossa em parceria com a Satrápia, será nossa lojinha especial entre as ruas Maria Quitéria e Joana Angelica, em Ipanema, e vai possibilitar a troca de roupas e acessórios nossos por trabalho voluntário. Assim, ó: não serão aceitos dinheiro, cartão ou cheque, somente solidariedade. Clica aqui pra ficar por dentro de todos os detalhes e se programa pra participar, começa às 14h!

      diadarua_2

      Outra novidade é o lançamento do documentário do Silva, com apoio nosso ♥. Ele viajou pra Angola e gravou o doc por lá, registrando o povo, as experiências e a arte angolana. Tá todo mundo na curiosidade pra assistir, claro. E completando a sessão do cine, vai rolar a exibição do filme ‘A Batalha do Passinho‘, com direção de Emílio Domingos.

      diadarua1

      Claro, nossos músicos, que protagonizam o evento e tornam tudo mais especial: Diogo Strausz com Kassin, Lila com Matheus Von Kruger, Rubel com Qinho, BQVC com Joana Queiroz, Séculos Apaixonados com Luiz Capucho, Sistah com Jeru Banto, Lucas Santtana com Ava RochaSilva com Mahmundi e Dj Omulu. Entra no clima desde já com a playlist do evento na Rádio FARM! 🙂

      diadarua4

      Ah! O projeto “Galão de Nuvem”, que transforma galões de água reaproveitados em caixas de som, também é uma das atrações que prometem prender nossa atenção. O Dia da Rua começa às 15h, no Pontão do Leblon, e vai até o Arpex, às 19h30.

      diadarua6

      A gente te espera no domingo pra deixar a tarde ainda mais linda e completinha. Vai ter música, vai ter alegria, vai ter amor, vem! ♥

      22.05.15
    • pras bandas de cá…

      bola_dia-da-rua

      A próxima edição do Dia da Rua tá chegando (guenta, coração! ♥) e a gente trocou uma ideia com a galera que vai fazer um som por lá e deixar aquele passeio pela orla carioca ainda mais gostoso. A boa é que eles estão tão empolgados quanto nós! Hehe

      montagem_dia-da-rua5

      O Diogo Strausz e o Lucas Santanna (dois músicos que a gente ♥) preparam show com direito a dobradinha. A gente explica: o Diogo vai se apresentar ao lado do Kassin e o Lucas ao lado da Ava Rocha, propondo um verdadeiro hibridismo sonoro: “A Ava fez um clipe lindo pra mim, da música “Dia de furar onda no mar”. Com certeza, a rua é o melhor palco pro artista, é onde aprendemos porque é uma energia livre, que pode mudar o tempo todo. Requer que você esteja muito aberto ao que pintar e entregue também” conta o Lucas.

      montagem_dia-da-rua2

      E é essa liberdade de possibilidades que torna tudo mais especial. Há de se concordar: a rua é o lugar do acaso, dos encontros sem hora marcada, dos sorrisos gratuitos… O DJ Omulu adiantou que vai propor um clima de ‘Furdunço Tropical” pro set que vai criar lá mesmo, na hora, de acordo com a vibe do momento. Outro empolgado é o Silva que, além do show com a participação da Mahmundi (eles são amigos há mais de dez anos), ainda vai lançar documentário (a gente contou aqui!). Ê, sorte!

      montagem_dia-da-rua3

      “Só de não ter aquela distância toda do palco pra platéia já deixa tudo com um clima bem mais interessante e fazer isso numa rua atrai pessoas de todos os tipos, coisa que me agrada muito! Sempre achei a idéia do festival muito boa. Tocar na rua e num domingo não é algo que eu faço sempre e isso me deixa bem empolgado”, contou o Silva.

      montagem_dia-da-rua1

      Reforçar a manifestação da arte em parte da cidade é um presente pra gente. O Rubel confessou que acompanha o evento desde a primeira edição: “Na época, eu devia ter dezesseis, dezessete anos, nunca imaginava que um dia estaria tocando no festival. Vamos tocar com o Bubu, trompetista do Los Hermanos, que também é um músico que acompanho desde muito novo. É incrível poder fazer parte disso perto de tanta gente que eu admiro!”, fofo! 🙂

      montagem_dia-da-rua4

      E se liga em quem mais vai alegrar o dia por lá: a Lila, que já carimbou figurinha aqui, a rapper Sistah, a banda Séculos Apaixonados e a BQVC, projeto de musica eletrônica do Bruno Queiroz. O dia vai ser de muita troca, afeto e arte, do jeitinho que a gente gosta!

      Logo, logo, a gente divulga a data e os horários. Se prepara! 🙂

      14.05.15
    • toda lila, toda linda!

      bola_lila

      Ela canta no bloco ‘Fogo e Paixão’, no grupo ‘Quarteto Primo’ e acabou de lançar um projeto solo, cheio de referências particulares, uma viagem pra dentro. A Lila ama música e, mais cedo ou mais tarde, foi inevitável que fizesse uma carreira todinha na área, transbordando melodia, som e cor. Se liga no papo que a gente teve com ela!

      lila_2
      O lançamento do disco coroa a arte e a música na vida da Lila (que chegou ainda na infância, num coral de escola) com muita liberdade e entrega: “Chamei o Pedro Garcia, um dos criadores do Queremos, pra me ajudar a descobrir a direção a seguir. Pra produzir, convidamos o multi-instrumentista Lucas Vasconcellos, que trouxe o produtor de hip-hop, Iky Castilho. Cada música chegou trazendo características próprias e delineando mais a cara que teria o disco…” conta.

      lila_5

      E além dos nomes de peso citados aí em cima, o EP marca a estreia da Lila como compositora, na música Strobo. O álbum tem personalidade e a gente destaca ‘Bicheiro do Meu Samba‘, um samba desses que fala da avenida, das escolas e de amores que se desmancham. A música abre o disco e traz um pouco da história da Lila com a folia, usando o carnaval como linguagem pra contar o fim de uma história de amor. Só poesia!

      lila_3

      “Decidi que gostaria de gravar o disco fora de estúdio. Uma amiga querida me emprestou a casa em Angra e montamos um verdadeiro estúdio por lá! Cada cômodo virou uma sala de gravação. Passamos cinco dias criando juntos, gravando e curtindo uma praia nos intervalos, afinal ninguém é de ferro. No dia 2 de fevereiro rolou gravação e era dia de Iemanjá!” 🙂

      lila_1

      O disco ganhou elementos novos na mixagem e a masterização trouxe tudo pros “lugares sonoros” que a Lila queria, um projeto que é tipo sonho, sabe? “No fim da faculdade de comunicação é que me encontrei seriamente com a música. Comecei cantando em grupos vocais, fui convidada pra gravar em discos de Bossa Nova pro Japão, fiz parte de muitos blocos de carnaval e fui seguindo por todos os caminhos musicais que se abriram pra mim!”

      lila_4

      A gente confessa que dá uma vontade de aumentar o volume e ouvir o álbum todinho. A boa noticia é que ele fica disponível pra download gratuito por 30 dias (contando a partir do lançamento, que rolou dia 6/4).  É correr pra sentir a energia linda dela, das músicas e da arte, clica aqui pra baixar!

      Caminhos abertos pra Lila! 🙂

      08.04.15