• Tire suas dúvidas sobre pedidos, trocas e devoluções.
    Atendimento nos dias úteis das 9h as 18h.
  • Receba dicas de estilo, via Whatsapp, para realizar uma compra personalizada!

sua mochila está vazia

      Tag: europa

    • comer, estudar e viajar

      bola_isa

      Outro dia a Iza, nossa modelo que tá sempre no e-FARM mostrando as novidadinhas, chegou de viagem da Europa contando todas as experiências maravilhosas que ela viveu. A gente não demorou a encomendar um bate-papo pra saber mais detalhes. Ó só:

      Por que escolheu ir pra Europa? 

      Fui pra Itália porque desde que tive meu primeiro contato com a cozinha italiana, na faculdade, me apaixonei e senti que precisava ir atrás da minha história. Minha família tem descendência italiana e minha vó quem me ensinou os primeiros passos na cozinha.

      isa8

      Como foi a viagem? E os cursos?

      Cheguei por Madrid: me encantei com a cidade, gente linda, educada, tudo limpo, organizado e muito cool. Depois fui pra Barcelona e de lá segui pra Itália, por Gênova, Turim, Asti e uma cidadezinha de mil habitantes que se chama Costigliole d’Asti onde fiz meu primeiro curso de especialização em massas e risotos na ICIF – Italian culinary institute for foreigners, a escola fica num castelo e é simplesmente incrível. Foram semanas de muito aprendizado e trabalho pois tínhamos 10 horas de aula todo dia. Uma imersão na cultura gastronômica, um sonho realizado!

      isa3

      Saindo de lá comecei meu tour pelo norte: fomos pra Padova uma cidade universitária, cheia de jovens, poucos carros na rua e muitas bikes. As praças sempre lotadas de gente no horário do happy hour que la é chamado de ‘aperitivi’. De la seguimos por algumas cidadezinhas como Modena (cidade do aceto balsâmico de Modena), Parma (do parmiggiano reggiano e presunto di Parma) e Bologna. Haja corrida todo dia pra manter a forma!

      isa1

      Finalmente chegamos à maravilhosa Veneza, que com toda sua magia nos encantou. Muito turística sim, mas também muito charmosa. O fato de não existirem carros deixa a cidade muito leve, pois tudo se faz a pé ou de barco. Um dos pontos altos da viagem foi visitar os museus, os palácios, aprender sobre a história da cidade, que era uma das potências Europeias, e visitar a Piazza San Marco que era a “sala” de Napoleão Bonaparte.

      isa2

      Depois de alguns dias em Veneza, passei por Rimini e San Marino. Rimini é cidade de praia, onde o russos praticamente dominam – uma amiga carioca me disse que a cidade lembrava o Rio. Na verdade é bem diferente, não menos linda, deu pra ver o mar e isso aliviou muito. O centrinho de Rimini foi uma surpresa muito bacana, fizemos um passeio de bike por ele, todo medieval, com monumentos bem antigos e a melhor sorveteria da viagem, se é que se pode eleger o melhor gelato na Itália…são tantas maravilhas.

      isa11

      Passamos em San Marino que depois do Vaticano é o menor país do mundo, fica a 40 minutos de Rimini. O local é tax free então atrai muita gente pelas compras. Eu fiquei bem mais atraída pelos castelos e construções medievais! Depois disso fui pra Milão, e ali fiquei 1 mês modelando e fazendo outros cursos. Fiz um curso de pizza e um de foccacia pois não poderia sair de lá sem saber o segredo daquelas maravilhosas pizzas… foi bem bacana!

      isa9

      Nos finais de semana aproveitava pra conhecer algumas cidadezinhas, entre elas Bergamo e Lago de Como local de veraneio onde as pessoas fazem passeios de barco e tem suas casas para descansar: todas muito lindas! Também dei uma escapadinha e fui pra Provence que era um sonho, e pra Cote d’azur, o sul da França é demais!

      isa10

      Florença é um sonho, a cidade respira arte, e é realmente um museu a céu aberto. Da Duomo aos museus, o Davi de Michelangelo, e as esculturas em frente ao Palazzo Vechio. Sem contar a herança dos Medici, e as histórias de Danthe Alighieri. As comidas da Toscana pra mim são as melhores pois a base é pão, azeite e vinho…não da pra ser ruim né? E lá também eles usam muito tomate e ervas frescas…eu amo!

      isa5

      Como acha que a experiência vai influenciar no futuro da sua carreira de modelo e também de chef?

      A carreira de modelo e chef ao meu ver são bem parecidas no quesito renovação: é sempre preciso aprender coisas novas. Como chef quero aproveitar ao máximo as técnicas que aprendi lá fora e aplicar aqui com produtos locais, pois o Brasil é muito rico e temos que valorizar o que é daqui.

      isa7

      Suas dicas imperdíveis:

      Em Madrid, ir no Museu Reina Sofia que é cheio de obras importantes entre elas a Guernica de Picasso, conhecer o mix de restaurante e bar Mercado de la Reina e provar o Salmorejo! Também tem as feiras/mercados La Latina e San Miguel, imperdíveis. Em Veneza, nos arredores do mercado de Rialto tem um bar de vinhos que se chama Al Mercá, eu adorei. Em Florença, o restaurante La Vecchia Betola, maravilhosamente toscano,cozinha simples. E também recomendo um gelato na gelateria Santa Trinita, o de pistache é um absurdo!

      isa4

      Na Itália toda tem um restaurante que se chama Rosso Pomodoro, a pizza de lá e muiiiito boa! Em Milão não deixe de dar um passeio por Navigli aos finais de semana e nos arredores de Brera também, gente bacana e jovem circulam por ali. De bike é ainda melhor! No sul da França conhecer uma cidadezinha que se chama Aix en Provence e também Cassis…me apaixonei!

      sozinha

      Delícia juntar turismo com estudo, né? Aproveita que as férias estão aí e faz as malas também…

      02.07.14
    • ali, do outro lado

      bola_outrolado

      E se apenas uma porta separasse você de um lugar diferente (e incrível)? Foi esse o mote do anúncio da rede francesa de trem SNCF, que espalhou por Paris portas com nomes de cidades como Milão, Genebra, Estugarda, Barcelona e Bruxelas.

      outro_lado

      O curioso que se atrevesse a botar a mão na maçaneta e descobrir o que tinha por trás se surpreendia com um telão transmitindo, ao vivo, a tal cidade descrita na porta. E a partir daí rolavam interações super divertidas: alguns pudiam ‘fazer’ um passeio de bike, outros ‘ganharam’ uma caricatura própria. Assiste ao vídeo aqui embaixo pra entender:

      http://youtu.be/GGW6Rm437tE

      Tudo isso, pra empresa lembrar aos parisienses que “A Europa é logo ali”. E, na verdade, seja onde for, viva o prazer de viajar e conhecer novas culturas, né?

      18.01.14
    • é hotel ou é camping?

      Existe um novo conceito de hospedagem fazendo o maior sucesso lá fora, e ele tem nome: glamping! Hein??

      Vamos explicar: glamping é o mesmo que glamorous camping, ou seja, acampamento glamuroso. É a mistura perfeita pra quem adora a natureza mas detesta o lado, digamos, rústico, dos acampamentos. Hehe 😛

      A gente viu esses dois “hotéis” e ficamos enlouquecidas pra conhecer ao vivo, olha só!

      Esse aqui é o White Pod Resort, no coração dos Alpes Suíços!

      Sensacional é pouco, né? Quer morrer mais um tiquinho? Dá uma olhada nos vídeos….

      E, seguindo o mesmo conceito, o Treehotel, em Harads, na Suécia. Assim como no White Pod, não se vê nada em volta além de paisagem, mas em vez de casinhas com cara de iglu, aqui os quartos são incríveis casas nas árvores. Basicamente o sonho de todos nós quando éramos crianças, né?

      São cinco tipos de casinhas e cada uma tem um nome e estilo diferentes. Pra ver como são por dentro, corre aqui! É difícil escolher, viu?

      06.02.12