• Tire suas dúvidas sobre pedidos, trocas e devoluções.
    Atendimento nos dias úteis das 9h as 18h.
  • Receba dicas de estilo, via Whatsapp, para realizar uma compra personalizada!

sua mochila está vazia

      Tag: casamento

    • minas casamenteiras

      Nem padre, nem pastor e nem juiz de paz – a nova onda agora é casar com celebrantes. Mas como assim? A gente explica: em vez de casar na Igreja ou de chamar um juiz de paz pra oficializar o seu grande dia, você chama uma celebrante, que pode ser poeta, escritora ou simplesmente uma amiga (ou amigo) que leve jeito com as palavras e curta falar em público.

      Dá pra entender de onde surgiu a demanda, né? Pra quem não tem religião ou não se imagina casando na Igreja por algum motivo, a única opção que sobrava eram os juízes de paz. Os mais legais e desenvoltos foram ficando disputadíssimos, porque a verdade é que mesmo não querendo casar na Igreja, quem sonha em colocar véu e grinalda e andar até um altar quer mesmo é que seja emocionante, para si mesma e para os convidados. E nem sempre acontece, né? Tem Padre que erra o nome do noivo, tem juíza que quer fazer tudo rapidinho porque tem outros cinco casamentos naquele mesmo dia. E aí um momento que devia ser inesquecível acaba ficando meio estranho. Isso sem contar os casais homoafetivos, que não podem casar na Igreja e até outro dia não podiam também no civil.  

      Entram as celebrantes. Minas boas de texto e de microfone que assumem o papel de abençoar os pombinhos – pelo poder investido nelas pelo amor. Tem valor legal? Não tem. É lindo lindo lindo? Pode apostar! Conversamos com algumas delas pra saber como a coisa funciona! 

      A poeta Maria Rezende, do Casar com Poesia, já até apareceu aqui no Adoro. Ela começou casando primos, depois casou amigos e, quando viu, já estava casando amigos de amigos, até que resolveu oficializar a profissão. Perguntamos o que ela mais curte nesse trabalho, e só a resposta já deixou a gente toda arrepiada!

      “As pessoas compartilham comigo coisas que às vezes nem os amigos e a família sabem. A gente tem uma ideia muito idealizada de amor, e celebrando os casamentos eu descobri que são tantas possíveis histórias de amor. São tantos caminhos possíveis que levam as pessoas a tomar a decisão de que elas querem viver juntas. E isso tem sido muito rico pra mim.”

      Maria também contou que já chorou junto com os convidados num casamento, quando um noivo super piadista resolveu falar sério na hora dos votos, surpreendendo a todos. Também já pediram pra ela ler um de seus poemas mais eróticos, o famigerado “Pau mole”, e que mesmo parecendo estranho, fazia todo sentido pro casal e para o tipo de cerimônia que eles queriam, então foi lindo. 

      E não é incomum a celebrante se emocionar junto com os amigos e a família. A Carla Vergara, que também é poeta, contou que no casamento de um casal que se conheceu no colégio e estava há 12 anos junto, ela conduziu um momento de votos coletivos, onde as pessoas tomavam o microfone para desejar algo aos pombinhos. Só que o depoimento do irmão do noivo foi tão intenso que pôs todo mundo a chorar, inclusive ela. Depois, o voto do noivo foi super bem humorado, e todos gargalharam. Quer coisa melhor?

      A Carla também começou casando amigos, e aí foi parar num episódio do delicioso “Chuva de Arroz”, programa sobre casamentos no GNT. Desde então passaram a chover mesmo convites pra que ela celebrasse casamentos. Pedimos pra Carla nos contar uma história inusitada sobre a profissão, e nos apaixonamos pelo casal que não queria escrever votos e acabou cedendo, mas de um jeito diferente. Olha que sacada incrível da moça:

      “Um tinha receio de que voto do outro não fosse na mesma 'linha', que ficasse um disparate entre um e outro em função do estilo pessoal – bem diferente – de cada um. Sugeri que cada um escrevesse os votos para si mesmo, e que na hora eles trocassem os papeis, assim cada um escutaria exatamente o que gostaria de escutar. Foi superdivertido, porque eles acabaram levando essa proposta com muito humor. Na cerimônia, apenas eu e os noivos sabíamos da brincadeira.”

      Já a Ilana, do Casamento Colorido, tem uma história diferente sobre como entrou pro ramo. Ela era redatora publicitária e vivia ouvindo da chefe que seu trabalho estava “poético demais”, que tinha que refazer pra ficar mais pé no chão. Como ela gostava mesmo era de escrever, e sonhava (como todas nós!) em um dia trabalhar com alguma coisa que realmente amasse e que a fizesse dar uma contribuição mais sensível pro mundo, Ilana ficou atenta. E aí, quando duas amigas resolveram se casar, ela viu ali sua oportunidade, e pediu pra celebrar. 

      “Acho que por trabalhar com criatividade, me incomodava muito a mesmice das cerimônias de casamentos que eu ia até então. Pouco se via da história do casal, pouco se via da identidade dos noivos. Quando me vi naquela função tão nobre, celebrando, com tanta alegria, o casamento de duas amigas, de um jeito único pra elas, pensei que poderia fazer isso por outros casais também. Foi uma sensação muito forte de 'é isso!!', sabe? Acho que ali todas as pecinhas se encaixaram. Era a possibilidade de trabalhar com histórias de amor, com pessoas reais, com criatividade e fazendo o que eu mais amo, que é escrever.”

      E aí, já te convencemos? Até a Luiza, nossa colaboradora aqui no Adoro, está entrando pro time de escritoras-celebrantes. Aconteceu com ela da mesma forma que com a Maria e a Carla – primeiro casou uma prima, depois amigos, e aí já viu – virou casamenteira também. Ela conta que a melhor parte é receber o carinho e os abraços dos parentes e amigos dos noivos depois.

      “É tanto amor direcionado a você que dá quase uma onda, sabe? Fazer parte do dia mais feliz da uma pessoa, de maneira tão íntima, é um privilégio que não dá muito pra explicar. Você se eterniza junto com a promessa deles naquele momento, e esse desejo de resistir ao tempo é algo que eu já buscava quando escrevia literatura, então foi um encontro muito feliz”. 

      E aí, quem é a próxima a subir no altar? Que tal apostar nas minas celebrantes?  #ficaadica!
       

      27.12.16
    • esse é pra casar!

      bola-casamento

      Se chegou a hora de amarrar os laços, ser a dona do bouquet e vestir as alianças, não há cintos apertados e nem nada que possa impedir uma mulher de se vestir de noiva!

      Screen shot 2015-12-04 at 2.28.55 AM

      Ou não é isso o mais importante? 🙂 Bem, pras mocinhas que estão pensando nisso, temos uma boa notícia, com bom gosto, criatividade e bons amigos, é possível fazer um mini-casamento charmoso, simples e inesquecível.

      Screen shot 2015-12-04 at 2.16.55 AM

      As cerimônias pequenas podem reunir os bons e velhos amigos, quem faz parte de verdade da vida do casal, e isso inclui até parentes, convide os que estão sempre juntos, que moram no coração. Uma lista de até 100 pessoas garante uma festa elegante e bem servida.

      2015-10-18 19.33.17

      Pra sair do “esquema”, na hora de escolher seus fornecedores procure serviços que não sejam especializados em casamento e espaços alternativos. Com boas referências que você pode colher no Pinterest e até em blogs da área, qualquer bom serviço de buffet, doceira e florista dão conta do recado!

      Screen shot 2015-12-04 at 2.26.59 AM

      Também pense em amigos queridos prendados, troque o presente por ajudinhas bem espertas e escolhidas a dedo, a amiga com bom gosto pode fazer um bouquet especial, outro ajudar na trilha, quem sabe uma organizadíssima topa a ser a planner?

      Screen shot 2015-12-04 at 2.18.44 AM

      O decór pode ficar a cargo de gente nova e bacana como a designer de estampas Carol Senna, que criou a sua Confete pra produzir festas de casamento em petit comitê e tem mil ideias fresquinhas e lindas!

      1

      O bolo de noiva pode ficar a cargo das meninas da The Bakehouse que capricham na beleza e no gostinho, pra tortas capotantes a nossa dica é a Casa Bon Ton. Também é uma delícia colorir a mesa com docinhos tradicionais, que marcaram a infância dos noivos!

      Screen shot 2015-12-04 at 1.51.58 AM

      O vestido e a grinalda podem ser encontrados a qualquer hora no atelier Sol Azulay, que reúne ótimas opções prontas de todos os estilos. Lembrando que o site americano Stone Fox Brides tem ótimas referências atemporais que nós amamos.

      1972479_627770087295872_597776795_n

      Os detalhes da festa podem ficar por conta de garrafas de vinho e vidros que você deve começar a colecionar agora! Some a isso muitas flores (da estação, claro, aproveite as flores mais frescas e baratas que a temporada oferece), o Estúdio Polén pode te dar uma mão.

      2

      Na hora do brinde, escolha três bebidas que fazem a cabeça da sua turma, não precisa ter tudo que existe de alcoólico no mundo, espumante, caipis e cerveja gelada já garantem a alegria!

      12002859_394567160738993_5877598668940653749_n

      E Mazel Tov!

      08.12.15
    • rádio farm apresenta: maroon 5

      bola_radiofarm (1)

      É o dia do seu casamento, a sua cerimonialista diz que tem uma surpresa, a cortina cai e… é o Maroon 5 em carne e osso pra animar a sua festa. Pirou com a possibilidade? Pois foi exatamente isso que aconteceu com alguns casais no dia 6 de dezembro, em Los Angeles! Toda a surpresa – e super trabalho – valeu pra filmar o clipe de Sugar, novo single do quinto disco da banda.

      maroon-5-sugar

      Não à toa, o clipe foi dirigido por David Dobkin, que também está por trás do filme Penetras Bom de Bico (Wedding Crashers). Agora, conta aí, quem não ia querer uns penetras desses no grande dia? Ai, ai… Só uma dica, pega um lencinho antes de apertar o play porque a emoção dos noivos é de arrepiar o coração e transbordar pelos olhos!

      https://www.youtube.com/watch?v=09R8_2nJtjg

      Mais alguém aí querendo planejar um casamento em Los Angeles? Vai que um raio de fato cai duas vezes no mesmo lugar. Só não vale largar o noivo pra ficar com o Adam, hein! Pra embalar o dia, aproveita e vai lá na nossa playlist romântica da Rádio FARM ‘Ai Ai’ e passe o dia a ver corações!  😉

      18.01.15
    • bem casado

      bola_bemcasados

      Eles chegaram de bicicleta (ela vestida com um macacão criado pelos amigos Carol Lim & Humberto Leon da Kenzo) e comemoraram pelas ruas de New Orleans, tiraram fotos de casamento dignas de revistas de moda ou até galeria de arte. Ah! E pra fechar com chave de ouro: a lua de mel foi em Trancoso! Precisa de mais alguma coisa?

      bemcasados1

      O casamento da irmã caçula da Beyoncé, a não menos incrível Solange Knowles, com o diretor de vídeo Alan Ferguson, foi um dos mais cheios de estilo dos últimos tempos. Acabamos lembrando de outros casamentos super estilosos. Vem ver:

      bemcasados8

      O de Mick Jagger com Bianca foi vanguarda absoluta no começo dos anos 70. A primeira mulher do Stone vestia o paletó do Le Smoking, peça icônica criada por  Yves Saint Laurent em 1966, e um belíssimo chapéu em seu casamento em Saint Tropez. Ah sim, e um senhor decote!

      bemcasados2

      Outra noiva fashionista que marcou época foi Audrey Hepburn. Em seu segundo casamento, a eterna musa usou um vestido rosa clarinho que era a cara dos anos 60. O modelito criado por Hubert de Givenchy segue a linha A e o cumprimento mais curto que eram o que havia de mais modernoso na década!

      bemcasados3

      Angelina Jolie brincou de DIY com os filhos no véu de noiva, o resultado foi divertido, cheio de história e bonitinho. O resto do vestido era Versace, porque, né? A gente achou o conjunto todo a cara dela, evidentemente, bem lindo – como o noivo, Brad! 🙂

      bemcasados4

      Antes disso, a nossa “rock star” preferida, a modelo Kate Moss marcou seu estilo no vestido de casamento. A musa se casou com um vestido camisola, estilo imortalizado por ela e copiado pelo mundo na meiuca dos anos 90. Ah! O modelo foi desenhado pelo amigo e conterrâneo John Galliano.

      bemcasados5

      A atriz Keira Knightley foi outra que quebrou as regras usando um vestido rosa pálido, jovial, arrematado por uma jaquetinha de tweed, fazendo a linha rocker-romântica num look todo Chanel. Mas quer saber o mais bacana? A moça não só já tinha usado o modelito antes, como continuou usando depois, bem prática!

      bemcasados6

      Nesse estilo noiva “básica” outra que arrasou foi Olivia Palermo que combinou uma saia romântica de Carolina Herreira com um cashmere num “twist” que é a cara dela. E sem esquecer o “something blue” que ficou por conta do sapato. Bacana, né?

      bemcasados7

      Depois dessa, a gente só deseja: que seja lindo, que seja inesquecível, mas o mais importante, que seu vestido seja a sua cara. ♥

      09.12.14
    • felizes para sempre

      bola_casamento

      Pelo menos nas fotos, a Tati Pinho garante. Dos olhares de cumplicidade ao nervosismo, passando por muitos sorrisos, até o “pode beijar a noiva”, nenhum sentimento escapa do olhar dessa fotógrafa de casamentos.

      BLOG-FAVS-16573

      Disputada pelo seu olhar sensível, quem diria, só depois da separação descobriu a vocação pro “amor” (teria sido o retorno de Saturno?). Formada em moda e apaixonada por cinema, a moça resolveu tirar um período sabático pra estudar arte, e assim ela reencontrou a fotografia.

      casamento1

      E foram felizes pra sempre: ela, sua câmera, as noivinhas amigas e as amigas das amigas (hoje noivinhas de Campos à Sampa, passando por Araras e logo mais Toscana!).

      BLOG-FAVS-16577

      De lá pra cá, foram incontáveis “sim“, alianças trocadas, bouquets disputados, muito amor, e ah sim! Os prêmios, só esse ano foram três internacionais!

      casamento3

      O olhar da moça não perde nenhum detalhe, descobre ângulos inusitados e capta momentos únicos. E ela se emociona junto, se diverte, conquista a cumplicidade dos noivos e quase entra pra família.

      casamento4

      Sim, porque agora ela também fotografa casais antes do casamento, e depois, captando toda a beleza da gravidez e compartilhando a alegria!

      1146598_704499386243929_360569786_n

      Mas conta aí, Tati, depois de tanto casamento dos sonhos, qual o momento que sempre te emociona? 

      Eu adoro quando os noivos escrevem e falam os votos, aí vem as declarações, os sorrisos, as lágrimas. É sempre um momento que me emociona muito porque é sempre um momento muito verdadeiro e único.

      JC (561)-Recovered

      E qual foto não pode faltar nunca? 

      Se as noivas fossem responder essa, diriam nenhuma, mas eu fotografo sentimento. Claro que tenho uma equipe que fotografa os mínimos detalhes da decoração, todas essas coisas, mas pra mim não pode faltar fotos dos olhares que os noivos trocam no dia.

      unnamed

      E claro, fotos do beijo e da troca das alianças, nem em sonho podem faltar.  Que sejam felizes para sempre, sempre! ♥

      04.10.14
    • enfeitando por aí

      bola_principal

      Nathalia Moulin, a Nath, é dessas criativas cheia de vontade de colocar a mão na massa. Foi criada na serra entre cores e flores e sua imaginação nunca descansou, o que a levou a cursar a faculdade de Desenho Industrial, na PUC.

      sozinha

      Saiu de lá respirando cenografia e durante 5 anos trabalhou na equipe de uma decoradora de eventos, foi quando teve a oportunidade de passear pelos salões da cidade e conhecer fornecedores.

      011_marina+Rabah

      Mas ao voltar de uma temporada em Londres, o destino deu um empurrãozinho: deu de presente pros amigos de infância que iriam se casar a decoração de sua festa de casamento. Daí, surgiu a Nathalia Moulin Cenografia.

      160_marina+Rabah

      Desde então, Nath tem feito picnics, casamentos ao ar livre, aniversários e outros eventos, sempre valorizando o clima intimista, com carinha de feito à mão e com muito carinho, sabe?

      01

      Ah! Você já deve ter visto as criações da Nath por aí…foi ela a responsável pela cenografia do Te Vejo na Praça, projeto que pretende revitalizar espaços através da música, arte e encontros e também do último picnic das meninas do GWS . Ficou tudo incrível! 😉

      02

      Demais, né?  O mais bacana disso tudo é perceber que a Nath consegue juntar suas referências com os desejos de seus clientes, tudo com muito carinho e transformando os eventos em sonhos.

      1234166_10153155220175167_2042337287_n

      Afinal, é bem mais legal quando a gente faz o que gosta, com muito amor.

      07.07.14
    • flores itinerantes

      bola_kombi

      Outro dia a gente conheceu um projeto lindo e delicado, daqueles que têm carinha de feito com amor, sabe? É o Studio Lily, que cuida de arranjos e decoração floral pra casamentos e outros eventos, e também expõe suas criações com uma kombi itinerante  (e encantadora!). Vem saber mais sobre a Gabi Heringer, idealizadora de tudo:

      kombi7

      Conta um pouco da sua história…

      Sou de Friburgo e vim pro Rio fazer faculdade de moda. Acabei conhecendo o Leo e nos casamos. Foi aí que descobri que amava flor, porque fiz toda a decoração e o projeto floral do casamento. Não curtia aqueles arranjos simétricos, todos iguais! Queria algo novo, descolado e que ao mesmo tempo fosse chique. No final, foi um sucesso, as fotos saíram em vários blogs (como esse) e as pessoas amaram. Ficou tudo perfeito do jeito que imaginávamos e com uma cara nova. Me apaixonei de vez e vi que queria reservar uma parte do meu tempo pra isso.

      MarinaLomar_14

      foto: Marina Lomar

      Sou estilista e hoje concilio moda e as flores. Uma coisa complementa a outra! Pra ter sucesso e ser feliz no trabalho, acredito que não devemos nos fixar a uma unica vertente, senão o pensamento fica viciado. A moda me deixa mais lapidada, com o olhar mais afiado, isso faz toda a diferença pra cuidar de flores, faz querer ousar mais. E as flores me purificam, me deixam mais energizada pra vida.

      matrimonio-gabi-e-leo-marina-lomar-fotografia-18

      foto: Marina Lomar

      O arranjo perfeito tem que ter o quê?

      O arranjo perfeito tem que ter amor, tem que despertar alguma coisa maior dentro de mim e de quem vê. E tem que ter personalidade, ser único, sem a sensação de que existem vários deles por ai, que esse é só mais um.

      Quais suas flores preferidas?

      Minhas flores preferidas são as mini margaridas, as bem selvagens, do campo mesmo. Elas são descomplicadas, simples e lindas. Acho que me lembro da minha infância, da casa da minha avó, que ama flores. Ah, e papoulas. Amo papoulas! Deve ser de tanto ver mágico de Oz, rs.

      kombi4

      E como garimpar essas belezas?

      Pra ter opções diferentes, acabo plantando bastante flor no nosso jardim, trago sempre uma semente nova quando viajo. Temos um terrário enorme de suculentas. Deixo elas aqui, crescendo com o tempo, pra cada uma ter uma história. E encomendo bastante flor direto da serra, são as melhores e da minha terra, né?

      As suculentas e ervas ficam legais na decoração de casa? Tem algum truque pra cuidar?

      Elas ficam bem em qualquer lugar, em casa, na mesa do trabalho, no jardim. Têm presença e são cool. Fica ótimo misturar vasinhos de suculentas com alecrim e um mini jarro de flor na mesa da cozinha, por exemplo. Encher mesa de centro ou uma prateleira do escritório com as plantinhas também fica maravilhoso!

      kombi2

      E toda casa deve ter ervas e temperos. Eles trazem harmonia e sabor pro ambiente. Os truques são poucos: pra cuidar das suculentas, deve-se molhar bem pouco, de 15 em 15 dias e se tiver muito calor, 1 vez por semana, mas bem pouco. Pra cuidar das ervas, também tem que ter parcimônia. Elas gostam de água todo dia, mas bem pouco pela manha ou fim de tarde, se encharcar, as raízes apodrecem. O alecrim, a sálvia e tomilho, inclusive, gostam de pouca rega.

      kombi9

      Como surgiu a idéia de ter uma pop up Kombi? Por onde mais ela deve passar?

      A gente sempre sonhou em ter uma floricultura bacana. Um lugar pra ter contato com os clientes, organizar as flores, mostrar pro mundo uma visão menos careta dos arranjos. E mostrar que é prazeroso comprar flores sempre, cuidar, é meditativo, terapêutico. Faz bem pra alma e pra energia da casa.

      kombi6

      Procuramos alguns lugares mas não existiam pontos livres para abrirmos uma loja e esses quiosques que a Prefeitura libera não eram bem a cara do estabelecimento que queríamos. E precisávamos de um modelo que se encaixasse com a nossa vida multitask. Aí um dia, logo depois de voltarmos de Londres o Léo acordou com a idéia de comprarmos uma Kombi e termos uma floricultura itinerante, com cara de food truck gringo!

      kombi8

      Fotos de Leonardo Uzeda, Letícia Sertã, Bernardo Cople e Carla Maldonado.

      Procuramos por alguns meses o carro perfeito, até que achamos a nossa Lily. Mais algum tempinho pra refazer a pintura e alguns detalhes e pronto, ficou bem do jeitinho que queríamos! Estreamos no último O Cluster e foi um sucesso, o evento superou todas as expectativas! Agora faremos mais uma aparição em abril, mas ainda estamos definindo o dia e o local.

      Pra ficar sabendo mais, é só seguir a marca no facebook e no instagram @studiolily! E vamos florir a vida?

      07.04.14
    • à noiva moderna

      bola_noiva

      Foi só uma amiga nossa anunciar o casamento na Itália pra gente começar a pirar. Na praia ou no campo? Como vai ser o vestido: gypset, hippie chic  ou romântico? (Vixe, vamos bookar a passagem!)

      noiva_2

      Não resistimos e fomos rever casamentos incríveis como o da Raquel , o da Lucia, e o da Mari na Toscana. E começamos a sonhar com o nosso, claro!

      noiva_8

      Corremos também pro site da Stone Fox Bride, loja de noivas moderninhas do Brooklyn, que vende, acima de tudo, um estilo de casamento anti-bribezzilla, mais relaxado e nadica tradicional.

      noiva_3

      Lá você encontra além dos vestidos descolados (e românticos, por que não?), alianças com carinha de antigamente, guirlandas de flores desmaiantes…

      noiva_4

      …e mil inspirações, como o casamento de Jemima Kirke, a musa Jessa de Girls. Já aqui no Rio a gente ama as criações da cria da FARM Julia Golldezon (quem não caiu de amores pelo All Star ?)

      noiva_5

      A festa já começa pelo convite, e se ele contasse toda a história do casal, do primeiro beijinho ao “sim”? Olha só esse modelo que encontramos.

      noiva_6

      E pra fechar, a lua de mel: Hvar, Railay ou Fernando de Noronha? O site icasei é a dica pra quem já juntou as escovas de dentes e quer ganhar de presente um help dos amigos na viagem.

      noiva_9

      E não se esqueça de usar alguma coisa nova, alguma coisa antiga, alguma coisa emprestada, alguma coisa azul

      noiva_7

      …e tudo com a sua cara!

      15.10.13
    • casamento relax

      A gente esbarra com umas coisas tão inspiradoras que corre aqui pra mostrar pra vocês! Hoje a gente morreu de amores pelo casamento da americana Isabella que, com a irmã Lizzy, tem a marca Spell & the gypsy collective, toda trabalhada em penas, turquesa e tudo que lembra temas indígenas!

      Dá pra ver que as duas são apaixonadas por esse clima, então o casamento não podia ter sido diferente, vem ver que delícia!

      http://vimeo.com/45164872#at=0

      Tem tudo ali: pés descalços, uma tenda (!), muito branco (lá ninguém se importa de usar a mesma cor da noiva, não), acessórios marcantes e lindos de viver, cabelos ao vento, muitas penas….

      …dá até pra sentir o cheirinho de natureza! E ah, a própria Isabella fez o vestido, não é lindo?

      Em épocas de casamentos de dia e sempre com um quê diferente, #ficadica de mais uma inspiração! 🙂

      Quem aí ficou com vontade de casar assim, tranquila, tranquila?

      21.08.12
    • festa colorida

      É sempre bom receber os amigos, parentes e pessoas queridas, pra uma festança ou reuniãozinha. O importante é juntar gente bacana e comemorar! Pra inspirar as moças casamenteiras, e as festeiras em geral, a gente reuniu duas dicas de primeira.


      pra quem teve a benção de santo antônio

      O site da Constance Zahn reúne referências mil pra quem tá planejando o casamento, e dicas que podem ser aproveitadas pra quem quer receber bem em qualquer ocasião. Ah! As fotos dos casais deixam qualquer uma querendo pedir uma forcinha pra Santo Antonio….


      pra quem continua na busca

      Já o Color Party, traz várias dicas, muito coloridas e fofas, pra todos os tipos de festas, e pequenos detalhes que podem fazer toda diferença na sua big party ou encontrinho. Adoramos a sugestão do café da manhã pra conciliar os horários apertados das amigas 😉

      Vamos aproveitar porque é sempre bom comemorar, né?

      25.03.10