• Tire suas dúvidas sobre pedidos, trocas e devoluções.
    Atendimento nos dias úteis das 9h as 18h.
  • Receba dicas de estilo, via Whatsapp, para realizar uma compra personalizada!

sua mochila está vazia

      Tag: biquínis

    • sol e sal

      bola-biquini

      Praia é lugar de tudo e todos. A gente entrou na vibe e criou uma coleção democrática com modelos pra todos os estilos. Vem ver uma amostrinha do que tá rolando e depois cola nas lojas e no e-FARM pra conhecer a linha completa!

      8

      O verão é nossa estação xodó, é ele que reforça nossa essência e tem a cara de tudo o que pulsa por aqui: pé na areia, gosto de sal, pele dourada, vida ao ar livre, aquele pôr do sol bonito… Pra acompanhar os dias de luz e as festas de sol ♥, a gente preparou modelos nada óbvios. O top de uma alça só com calcinha trançada é ideal pro finzinho de tarde. E quem disse que o jeans não vai à praia? Nosso biquíni jeans bordado é novidade!

      1

      Elas são amigas de longa data. As cangas! 🙂 A boa é que rola de usar nosso modelo Splash fora da areia também, e de quebra aproveitar a cartela de cor e padronagem ilustrada nela. Havaianas no pé e sorriso no rosto!

      6

      E se tem biquíni, tem maiô. A gente aposta no modelo em tons índigos e com recorte frontal e no tomara que caia com estampa de coqueiro. A releitura dos clássicos ganha destaque por aqui, afinal, quem disse que os maiôs precisam ser fechados demais ou nada inventivos? Sejam na estampa ou na modelagem, eles são perfeitos pra um dia de praia!

      7

      Vem ver mais no e-FARM!

      26.10.15
    • do instagram @adorofarm

      10986201_668573153271107_346541112_n

      Tudo pronto pro sábado ser lindo. @eunatalia #tonoadorofarm

      04.04.15
    • do instagram @adorofarm

      10950432_343067552564909_1910818877_n

      Feriado faz bem pro corpo e pra alma! 🙂 @camilacurvelo #tonoadorofarm

      03.04.15
    • lançamento: linha praia!

      bola_lb_praia

      A linha praia acabou de chegar no e-FARM e nas lojas, e a vontade é correr pra garantir tudo! As peças foram inspiradas em ‘Black Retrô‘ e reverenciam estampas com inspiração africana. Vem descobrir os detalhes e aproveitar que comprando pelo site rola 10% de desconto e frete grátis com o código da sua vendedora!

      lb_praia_1

      “A partir das estampas, exploramos detalhes que remetessem à vestimenta de povos da África e o resultado foi uma coleção com muita personalidade e beleza. Estamos muito felizes!”, contou a nossa diretora criativa Katia Barros.

      lb_praia_2

      A nossa aposta foi em modelagens diferenciadas, como as do top acima, e nos trabalhos com bordados pra adornar as peças e destacar a estamparia em modelos mais básicos. As ponteiras de miçangas coloridas e os aviamentos especiais foram amigos nessa hora! 😉

      lb_praia_4

      Os modelos clássicos de biquíni, como os do tipo lacinho, tomara que caia, cortinão e meia-taça, não ficaram de fora da linha e contam com estampas exclusivas e detalhes com amarrações, nós, crochê e tranças.

      lb_praia_3

      A boa é que as peças são tão lindas que rola de usar por aí, no dia a dia também (indo além do ambiente de praia!), sabe? Só incrementar com peças mais urbanas!

      lb_praia_6

      Vem conhecer a linha todinha no e-FARM e nas lojas, e já garantir seus preferidos! 🙂

      19.03.15
    • sorria, você está no caribe

      bola_san_andres

      Foi só o avião começar a se aproximar da ilha, que o mar de 7 azuis diferentes começou a brotar na janela dizendo “Sorria, você está no Caribe.” San Andrés é uma típica ilha caribenha, sede do arquipélago de San Andrés, Providência e Santa Catalina e sua história é tão incrível quanto a sua beleza. Quando despovoada, serviu de refúgio de piratas que navegavam pelo “Mar del 7 colores”, incluindo o famoso Henry Morgan, que inspirou muitos filmes de Hollywood.

      san_andres_1

      A praia mais popular da ilha é a Peatonal, que fica bem no centro ao lado das Avenidas Colômbia, Las Américas e Colón, onde se encontra a concentração de lojas de todo o tipo: sapatos, roupas, perfumes, eletrônicos, etc. Tudo isso isento de impostos e com preços muitas vezes abaixo dos free shops, tornando-se assim o verdadeiro tesouro pirata pros mais consumistas.

      san_andres_3

      A melhor maneira de explorar a ilha é alugar um carrinho de golfe em uma das milhares locadoras que existem por lá. Existem carrinhos de vários tipos, tamanhos e $$$. Alugamos o mais econômico que nos atendeu super bem e partimos pra conhecer o paraíso. A primeira parada foi em La Piscinita, que pelo nome, já diz sobre a piscina que é formada  pelas pedras, virando um enorme aquário com milhares de espécies de peixes e animais marinhos.

      san_andres_4

      O lugar conta com uma estrutura de restaurante , que também aluga máscaras de mergulho, snorkel e colete salva vidas. A próxima parada foi no Hoyo Soplador (Buraco Soprador) , uma fenda no meio das pedras que solta vento e água devido ao balanço das ondas no mar. Seguindo a orla passamos pelo Balneário de West View, que também é ótimo pra snorkel.

      san_andres_5

      Depois vem a tranquila praia de San LuísCocoplum, onde se pode ir caminhando pelo mar até a ilhota de Rocky Cay e também se pode fazer snorkel pertinho do navio naufragado Onassis. Como a ilha foi colonizada por ingleses, os habitantes falam espanhol, inglês e o Creole – um dialeto local que é uma mistura de vários idiomas.

      san_andres_6

      Essa dupla colonização da ilha deixou como marca uma proximidade com as cores nacionais e a música da Jamaica. É comum encontrar barracas de praia decoradas em verde, amarelo e vermelho, além de poder curtir o melhor do reggae, reggaeton e dub tomando um Coco Loco (bebida típica) ou uma Pina Colada.

      san_andres_7

      Infelizmente, os ventos do Caribe não estavam a nosso favor. Geralmente nos meses de dezembro a março, a ilha sofre com fortes ventos e chuvas rápidas, o que naufragou com nossos planos de fazer os passeios de barco para as ilhas de Johnny Cay e Cayo Bolívar. Os relatos sobre os passeios são incríveis, então não deixa de incluir no roteiro.

      san_andres_8

       fotos: arquivo pessoal bruna messina

      Onde ficar: Blue Almond Hostel – Fica bem pertinho do Centro e por não ser muito grande, tem clima de casa de praia de amigos, com uma boa cozinha, área externa e churrasqueira.

      Esta série de posts de viagem pela Colômbia foi escrita pela Bruna, do blog Ser Hurbano!

      10.03.15
    • praia mais linda!

      bola_canga_efarm

      O calor não dá trégua e se tem uma coisa que a gente quer fazer muito ainda é curtir os dias de sol na praia. E nada melhor do que ir acompanhada de uma canga linda, né? Então se liga no mimo que tá rolando pras compras no e-FARM:

      1_blog_canga

      Nas compras acima de R$300 a gente ganha essa canga com uma estampa superxodó nossa, bem tropical, a cara do verão. Dica: aproveita o quanto antes porque o estoque é limitado, ok? 🙂

       

      13.02.15
    • o mundo encantado de cartagena!

      bola_cartagena

      É difícil alguém não morrer de amores por Cartagena. Quando disse que a cidade fazia parte do meu roteiro, era só o que eu ouvia. Apesar de ser altamente turística, Cartagena é realmente um show de fofurices e lindezas que já startou a partir do momento em que o nosso táxi ultrapassou os muros da ciudade amurallada, que foram construídos pra defender o antigo porto mais importante das Américas de ataques piratas, durante a sangrenta colonização espanhola.

      cartagena_1

      As cores das pequenas casas, as praças, as palenqueras e o colorido das frutas, os picolés deliciosos, as bicicletas, as charretes e as flores que descem dos balcões dos sobrados só emolduram o cenário que parece mesmo ter saltado dos livros do incrível Garcia Marquez. Tudo isso acompanhado de uma temperatura que permanece na casa dos 30 graus, calor que combina perfeitamente com a cidade de gente bronzeada e sorridente.

      cartagena_2

      Além de passear pela cidade, se perder e se achar entre as ruazinhas charmosas, resolvemos seguir a linha do muro pelo mar e encontramos o Café Del Mar, um restaurante/bar/lounge conhecido por ser o melhor lugar para se assistir ao pôr do sol por lá, que pelo menos nessa época do ano, morre lindamente no marzão caribenho.

      cartagena_3

      Com a lua no lugar do sol forte, seguimos para além dos muros para o bairro de Getsemaní, endereço certo de hostels bombados, mercadinhos e clubes noturnos, como o Café Havana, um pedacinho de Cuba na Colômbia e uma das melhores casas de salsa da cidade. A decoração do lugar é incrível e conta com big bands que botam todo mundo pra dançar, cantar e claro se refrescar com uma gelada ou quem sabe, um mojito.

      cartagena_4

      Devidamente recuperados do dia cheio, despertamos cedo e seguimos pro porto, onde saem diariamente passeios de barco para as Islas Pirata, Rosário e Playa Blanca. Pra entender melhor toda a história de Cartagena , visitamos o Palácio da Inquisição e também conhecido como Museu Histórico. A mostra abrange desde o período anterior á chegada dos europeus até a independência da tão famosa cidade.

      Onde ficar: Media Luna Hostel – o “party hostel” com suas famosas festas as quartas feiras, fica no bombado bairro de Getsamaní.

      Pra ver mais posts da Bruna, corre aqui!

      07.02.15
    • férias: alfazema e dendê

      bola_arembepe

      Sempre que saímos de férias ficamos semanas, meses sonhando com o destino escolhido, mas às vezes, raras e incríveis, um destino escolhe a gente. A Lê Gicovate, colaboradora do adoro, conta mais:

      foto-3

      “A ideia era só fugir do roteiro mais badalado pra aproveitar um dolce far niente de relax total, com sombra e água fresca, como bem pede o verão. Assim aconteceu em Arembepe, na Costa Verde da Bahia, bem pertinho de Salvador.

      foto-2

      Nos conectamos pela alfazema, perfume feito pela minha avó, o preferido de Iemanjá e nome da casa onde a alemã Claudia e o Mestre de capoeira baiano Orelha moram e recebem pessoas do mundo todo pra uma experiência única.

      IMG_5178

      A casa Alfazema fica debruçada pra praia, daquele tipo que a gente dorme e acorda ouvindo o mar cantar. E é olhando pra ele que provamos todos os dias dois pequenos milagres, não só a natureza que se debruça, mas também o que o casal faz com o que ela proporciona.

      foto-4

      Criada na Itália, depois de anos como restauradora de tecidos do Vaticano, a alemã encontrou o amor numa noite de lua cheia de Salvador, e por lá pôs em prática outras paixões: o centro cultural do casal, onde rolam aulas de Pilates, Yoga e Capoeira, e a culinária, essa, um capítulo à parte.

      arembepe5

      Dos peixes frescos pescados de manhã cedinho pelo mestre, das frutas e temperos fresquíssimos da região saem misturas perfumadas, coloridas e saudáveis, numa alquimia digna de Gabriela, Cravo e Canela. Uma celebração à beleza da mistura que faz da Bahia o lugar mágico que é.

      arembepe6

      E a mistura harmônica do casal está por toda parte da casa que combina bom gosto, alto astral e a bela história dos dois em arte, orixás, frutas, flores e achados de viagens por outros lugares incríveis do mundo.

      foto-8

      Não, não dá vontade de sair da casa, mas ali por perto praias incríveis nos esperam, então vale alugar um carro pra conhecer outros paraísos como Barra do Jacuípe, o lago dourado de Imbassaí, as ondas boas de Itacimirim e a mais badalada Praia do Forte, tudo a menos de quarenta minutos dali.

      arembepe7

      De volta a Arembepe programe uma visita ao Projeto Tamar pra ver as tartaruguinhas encontrarem pela primeira vez o mar, e também à primeira aldeia Hippie do Brasil, que já recebeu visitas ilustres como Janis Joplin e Mick Jagger.

      0103110103111

      A cidade, pequenininha que só, é simples e popular, e não quer ser outra coisa, em pouco tempo você já pertence a ela, anda descalça pelas ruas, aguarda o show de mágica na pracinha, se refresca com a caipi de siriguela do restô Mar Aberto (considerado o melhor do Norte da Bahia) e circula como nativa.

      IMG_5236p

      Pra se conectar com o que realmente importa!”

      Vem ver mais posts de viagens aqui! 😉

      28.01.15
    • carnaval na paz

      bola_viagemcarnaval

      foto @laradavilaa

      Não é só de foliões que se faz um carnaval, né? Tem também a turma do sossego, que só quer um lugarzinho delícia pra aproveitar o feriado. Pensando nisso, nós reunimos alguns destinos de última hora pra você fugir da muvuca e passar o feri numa boa. Partiu?

      jalapalao

      Jalapão: A Dreamcatcher Brasil, uma agência que promove experiências, viagens ou pequenas escapadas com pegada de bem-estar, tá organizando uma trip ao Jalapão, o “deserto brasileiro” no Tocantins. Com direito a passeios de 4×4, pôr do sol nas dunas alaranjadas, mergulho nas cachoeiras cristalinas e dinâmicas de autoconhecimento. Por lá a onda é mais rústica, com pousadinhas simples, quase nada de luz elétrica e celular em modo offline. Basta mandar um email (contato@dreamcatcher.uno) que eles enviam uma lista com todas as infos. Que tal?

      paraty

      Retiro SambaZen: nessa mesma onda de autoconhecimento, também vai rolar o retiro SambaZen na pousada Dharma Shala, que fica na Ecovilla Goura Vrindávana, a alguns kilometros de Paraty. Na agenda: aulas de yoga, meditação, musicoterapia, trilhas, cachus, praias, massagem ayurvédica… Fora as comidinhas vegetarianas feitas em forno à lenha. Delí! Pra sabem mais, pode falar com o André Elkind, um dos organizadores pelo email: andreelkind@gmail.com.

      ilha_grande

      Ilha Grande: A maior ilha do litoral de Angra dos Reis é recortada por penínsulas e enseadas que formam várias praias e esconderijos perfeitos. Pegue a balsa no Cais de Mangaratiba e vá até a Vila do Abraão. Por lá, tem várias pousadinhas charmosas e campings pra se hospedar, além de barzinhos e restôs pra curtir o clima de balneário. A vila é cheia de agências onde dá pra programar alguns passeios: Lagoa Azul, Lopes Mendes, Cachoeira da Feiticeira, Pico do Papagaio… Um outra opção com menos infra é acampar em Aventureiro e ouvir o som das ondas e curtir a iluminação de lampião. O mar agitado sempre atrai surfistas. Pra saber todas as infos de lá, clica aqui e aqui.

      lumiar

      Lumiar: Outro cantinho que não precisa de avião é Lumiar, em Nova Friburgo, que fica mais ou menos a 2h30 do Rio. O astral lá é ficar na natureza, conhecer poços, corredeiras e cachoeiras (a do Indiana Jones é nossa favorita, mas tem a cascata São José, Poço Verde, Toca da Onça, Poço Feio…), tomar cerveja artesanal no fim de tarde no Ranz Bier, provar uma truta no Armazém da Serra – ou, se você tiver numa onda mais exótica, pode ir no Sotão que eles preparam pratos de capivara e javali. À noite, rolam uns shows de rock bem legais no Lumiar Bier Pub. Ah, e a uns 5km dali também tem a cidade de São Pedro, cheia de pubs e restaurantes bacaninhas. Entra aqui ó, pra saber sobre hospedagens e outras infos.

      aiuruoca

      Aiuruoca: A gente já deu a dica por aqui há tempos, mas não custa lembrar. O Vale do Matutu, que fica dentro da município de Aiuruoca, na área de proteção ambiental da Serra da Mantiqueira, é  uma bairro rural, praticamente auto sustentável, com uma comunidade toda zen. A cidadezinha é super roots, não tem quase nada, mas o lugar é incrível. Tem-de-ir: Cachoeira dos Garcias (que não fica na cidade, mas é pertinho e é mara!), Poço das Fadas (fofo, pós-almoço), Cachoeira do Fundo, Pico do Papagaio e Cabeça do Leão. Pra comer, a gente indica o restaurante do Kiko e da Kika e o jantar da Pousada do Matutu e a comidinha vegetariana da Pousada Mandala das águas, que, aliás são duas ótimas dicas de hospedagem!

      1bf15d9b2bd2000b3b03f63a34d31061

      fotos: reprodução

      Hey, ho, lets go! 

      27.01.15
    • férias: caraíva nosso xodó

      bola

      Já que tá esse calorão, nada melhor do que falar de viagem pra praia, né? A Lu, colaboradora do adoro, foi passar o ano novo em Caraíva, na Bahia, e contou como foi essa virada mais que especial por lá. Olha aí e já planeja pro seu próximo ano novo ou escapadinha de verão!

      caraiva1

      “Há sete anos que todo Réveillon pego minhas malas e parto rumo à Bahia. Entre os destinos que moram no coração: as praias da Península de Maraú, Itacaré, Trancoso, Espelho… Desta vez, mudei a rota pra Caraíva, nunca tinha ido, mas as boas histórias dos amigos fizeram com que eu me desapegasse dos meus cantinhos favoritos. Até as dicas que a Gabi, nossa outra colab, deu aqui no blog serviram de inspiração (aqui ó).

      caraiva2

      Na alta temporada tudo muda, né? A vila de pescadores já não é só sossego, mas o buxixo encanta. O lugar, entre o rio Caraíva e o mar, fica cheio de turistas, mochileiros e não mochileiros. Vi muitos paulistas e mineiros (vários gatinhos ;)). Vamos às dicas?

      caraiva3

      Pra dormir: Fiquei na Pousada Flor do Mar, ali na beira da praia, onde a dona, a Gláucia, e a ajudante Edna, mimam a gente o tempo todo. Desde o café da manhã recheado de frutas, pães, tapioca, omelete e bolos; até os presentinhos no travesseiro; e o afago baiano com os hóspedes. Uma delícia.

      Recomendo também a pousada Lumar, do Totonho, que fica logo na paralela de trás (na rua da Guest House), onde alguns amigos se hospedaram. Mais simples, mas bem honesta. Ah, ambas têm wifi 😉

      caraiva4

      Pra comer: Cada dia fomos a um lugar diferente, eis o nosso top 5: 1) Central, o polvo grelhado e o camarão na moranga fizeram sucesso. 2) Cachaçaria, da entradinha árabe ao risoto de beterraba ou escalope de mignon, tudo era incrível. 3) Mangaba, o prato tradicional de peixe na cumbuca individual é ótimo pra matar a fome. 4) Tatuassu, simplesmente a melhor pizzaria do mundo – juro, pode testar qualquer sabor. 5) Boteco do Pará, o pôr do sol regado à pastel de arraia e caipi gelada é o mais disputado.

      caraiva6

      O buxixo: na praia, vale curtir o dia nos bangalôs do Bar da Praia, que tem drinques e petiscos ma-ra (o ceviche é a pedida). O pós-praia mais legal é o da pousada Coco Brasil que fica grudada ao Bar da Praia e a cada dia rola um som diferente, tudo regado a muito Netuno, um tipo de Catuaba sabor gengibre que faz o maior sucesso por ali.

      À noite vale um rolé pela Rua do Porto, à beira do rio Caraíva, e que a gente apelidou de BC – o Baixo Caraíva. Lá ficam os restaurantes, o mercadinho, os forrós do Pelé e Ouriço, o Bar do Porto… O povo fica ali na rua até decidir entrar ou não em algum lugar.

      caraiva12

      Diversão: Fizemos três passeios divertidos: Primeiro, a decida de bóia pelo rio – antes paramos pra almoçar no restaurante Areia Branca, onde fica o Caraíva Glamping, uma ilhota cheia de camas à sombra e redes espalhadas pra gente passar o dia até dar a hora da correnteza mais forte. Também é um camping todo aconchegante, quero me hospedar ali numa próxima – paraíso!

      caraiva7

      O passeio de bugre até Corumbau, que você pega perto da igrejinha (sai em média 50 reais por pessoa ida e volta) e vai pela praia até vila de pescadores. Lá o mar é azul piscina, quase não tem onda e na maré baixa, quando aparecem os bancos de areia, dá pra ir bem longe e avistar a Ponta do Corumbau.

      caraiva8

      A trilha até a Praia do Espelho, que tem mais ou menos 13 km (2h30) entre subidas às falésias, com direito a parada pra mergulhar nas duas lagoas, uma delas é a do Satu, onde dá pra se refrescar e petiscar um pastel. No Espelho indico um almoço na Silvinha (ela prepara um almoção só pro seu grupo – tel: (73) 9985-4157) mas como tem que fazer reserva com bastante antecedência, o japa logo ao lado é da filha dela e virou o novo point – outra descoberta imperdível! Dica #999: reserve um barco pra voltar no pôr do sol e coroar o passeio.

      caraiva9

      Na volta pro aeroporto de Porto Seguro, ainda paramos na Reserva dos Pataxós pra conferir os artesanatos indígenas e garantir uns penachos pro Carnaval. Fui embora com o coração apertado mas preenchido com outro cantinho xodó que ganhei na Bahia ♥”.

      caraiva10

      Quer ver mais dicas de viagens? Corre aqui!

      14.01.15
    • férias: um dia na praia dos carneiros

      0000

      A Praia dos Carneiros – eleita a 12ª praia mais bonita do mundo e a segunda mais bonita do Brasil – fica em Tamandaré, a aproximadamente 1h40m de Recife, Pernambuco. Bora saber mais sobre ela, a partir da viagem da nossa colaboradora @vanessamellot?

      044

      A praia tem água calma, morninha e cristalina, e conta com coqueiros por todo beira-mar, além dos recifes de corais onde é possível ver ouriços, caramujos… Na maré baixa, a boa é caminhar por ali (de chinelo, claro!, e com cuidado pra não pisar nos bichinhos).

      011

      É só dar uma voltinha pela areia pra esbarrar com um barqueiro oferecendo o passeio que passa pela linda igrejinha São Benedito, nos bancos de areia

      00

      …na Praia de Guadalupe pra um banho de argila natural e no Bar do Mangue, ambiente bem rústico, sem energia elétrica, onde as mesas ficam no mangue e você escolhe na hora o camarão ou peixe que quer comer. Sim, você come com os pezinhos na água! 🙂

      0022

      A boa de fazer esse passeio é que o barco tem capacidade pra poucas pessoas, então dá pra fechar só pra amigos ou família. O preço é camarada, por volta de R$ 25 por pessoa, e é você quem escolhe o tempo do passeio e de cada parada. Maravilha, né? Na volta, vale ficar na Praia dos Carneiros até o sol se pôr! É maravilhoso! À noite, se quiser ir em algum restaurante à beira-mar, a dica é o famoso Bora Bora.

      005

      Fotos: José Felipe Gasparian

      Lindo demais! Agora é só incluir o destino na sua visita ao Nordeste e aproveitar! 🙂

      13.01.15
    • qual a sua praia?

      bola_praias

      Não, a gente não pensa em mais nada: temperatura lé em cima, dias longos, verão batendo à porta, férias… praia! E se já temos anotadas as mais lindas (a maioria está aqui mesmo no Brasil!), que tal uma lista com as praias mais exóticas do mundo pra gente visitar um dia?  (mais…)

      16.12.14