• Tire suas dúvidas sobre pedidos, trocas e devoluções.
    Atendimento nos dias úteis das 9h as 18h.
  • Receba dicas de estilo, via Whatsapp, para realizar uma compra personalizada!

sua mochila está vazia

      Tag: balenciaga

    • deu olé

      bal

      Semana passada o mundo da moda estremeceu com a notícia de que o americano Alexander Wang está se despedindo da Maison Balenciaga, mas ninguém pareceu realmente se surpreender.

      alexander-wang-balenciaga-2

      A verdade é que o estilista conhecido por desfilar o DNA das ruas de NY, nunca incorporou de fato o espírito da casa de moda criada pelo espanhol Cristóbal Balenciaga no final dos anos 30.

      screen-shot-2015-01-21-at-11-01-23-am

      O estilo teatral, arquitetônico, espetacular da marca foi totalmente renovada pelo antecessor de Wang, Nicolas Ghesquiére, que cuidou das criações da marca por 15 anos, e deixou muita saudade quando anunciou sua saída, essa sim, surpreendente!

      balenciaga1

      O francês conseguia combinar tecidos tecnológicos às curvas do espanhol, transformou a Balenciaga em fetiche universal e criou algumas das tendências mais potentes dos anos 2000.

      nicolas_3

      Alexander Wang, que seguia com duas marcas que levam seu nome nos EUA, apostou na vertente tecnológica implementada por Ghesquiére e em coleções mais comerciais, que tinham muito mais características suas do que as da casa que representava.

      Balenciaga-SS2015

      O resultado foi que nunca um desfile dele foi lá muito “wow” ou deixou Paris em chamas como de costume, pelo contrário, a casa foi perdendo espaço no coração das fashionistas, enquanto as coleções pessoais de Wang lançadas na NYFW continuavam a todo vapor.

      alexander-wang-2014-fall-winter-campaign3

      Agora esperamos ansiosas pra saber os novos rumos dessa novela fashionista. Embora pareça uma coisa bem, bem distante, essas danças das cadeiras acabam sempre reverberando por aqui.

      1413546674-e31de3520fca40a80b023ebfa4354f15-1366x910

      Quem irá assumir a marca? Aguarde cenas do próximo capitulo!

      08.08.15
    • à moda do mundo…

      bola

      As semanas de moda na gringa terminaram e a gente não resistiu em fazer um apanhado “remix” de tudo que passou por lá. E pelo visto, o inverno europeu, mais do que nunca… tá na pele, olha só:

      pele

      Dries Van Noten, Lanvin, Louis Vuitton, Prada

      A pele (falsa, pelamor! hehe) marcou praticamente todos os desfiles, não há quem tenha resistido ao toque primitivo e glamouroso do tecido mais antigo do mundo, mesmo que em detalhes, por vezes inusitado!

      peludo

      Marni, Louis Vuitton, Prada, Fendi

      E o couro não ficou pra trás. Com carinha de vinil mais brilhoso, o couro apareceu principalmente em saias lápis (abaixo do joelho comprimento que bombou) e versões renovadas do new look:

      couro

      Topshop Unique, Prada, Givenchy, Chanel

      E se ano passado o grunge de Dries Van Noten conquistou nossos corações, esse ano tá punk! Ousados, como na apresentação de Versace e nos moicanos de Fendi, ou discretos, nos alfinetes de Alexander Wang pra Balenciaga:

      punk

      Givenchy, Chanel, Chanel, Balenciaga

      Mas o grunge marcou presença no onipresente xadrez, que aparece misturado com outras estampas num festival de texturas e possibilidades, como nas maxi-formas de Stella e até disfarçado no clássico tweed de Chanel.

      xadrez

      Stella McCartney, Céline, Chanel, Givenchy

      Entre as cores, o rosa deu as caras em mil variações possíveis, mas quem dominou foi o azul. Do Klein ao marinho, passando pelo acqua, tá tudo azul no inverno!

      azul2

      Céline, Valentino, Chanel, Marc Jacobs

      Então já sabe, pode misturar, deixar os cabelos molhados, abusar da displicência, investir em fendas e recortes, peles e plumas, escolher uma bota… e rezar pra fazer frio! 😉

      09.03.13