sua mochila está vazia

    Tag: afriPOP

    • de olho

      Vontade de mais um pouquinho: é assim que a gente sente toda vez que acaba de ler um conteúdo ou outro produzido pelos sites que nos inspiram. Separamos uma listinha com o que rola de bom por aí quando o assunto é África. Tem política, comportamento, cultura e muita gente boa compartilhando o que pensa com propriedade e generosidade. Vem ver:O Afreaka é um projeto de jornalismo independente, que traz um lado nada óbvio sobre a África numa visão contemporânea, didática e social. Também vale ficar de olho no que rola pela gringa. O portal AfriPOP coloca as tendências africanas pra jogo e representa o continente com perfume moderninho e irreverência. Tudo com amor. O Another Africa traz uma visão atual e otimista, quase sempre escondida. O site foge de temas já tão massacrados pela mídia, sabe?Pra além da rede: a cineasta Erika Balbino lançou o \"Num tronco de Iroko vi a Iúna cantar\", livro que reforça uma das manifestações mais populares da cultura africana, a capoeira, e revela elementos dos movimentos afro-brasileiros através de uma linguagem jovem, lúdica e afetiva. Falando em afeto, na literatura africana, a gente destaca o recente \'O paraíso são os outros\', do angolano Valter Hugo Mae. Fala sobre o amor entre duas pessoas e das infinitas possibilidades de amar. Simples e profundo. ♥O livro \'O africano que existe em nós, brasileiros\', da designer e pesquisadora Julia Vidal, traz a moda como forma de representação da influência africana no Brasil e o processo de construção de identidade. O livro trata nossas heranças étnicas e a paixão da autora por Salvador, uma de suas fontes de pesquisa e terra que a gente adora! :)Pra fechar e se aprofundar ainda mais, o site \'Por dentro da África\' é um compilado sobre o continente africano, com matérias, pesquisas, teses e até artigos científicos. Vale muuuito a leitura semanal pra se manter atualizado.A África é infinita. Ficar ainda mais pertinho desse universo, que é fonte sem fim de conhecimento, troca e cultura, faz a gente se reconhecer no mundo e entender que a vida é tudo isso: igual e diferente, nova e velha, dentro e fora.
      17.03.15 6 anos atrás