• Tire suas dúvidas sobre pedidos, trocas e devoluções.
    Atendimento nos dias úteis das 9h as 18h.
  • Receba dicas de estilo, via Whatsapp, para realizar uma compra personalizada!

sua mochila está vazia

    • pra viver bem

      bola_malu

       

      Ela é carioquíssima de alma e nascença. Aos 25 anos, é autora de um livro sobre alimentação viva (e de um blog referência no assunto), sócia-fundadora do Quintal Bistrô, restaurante no Jardim Botânico, e permacultora. Ah! E está grávida do primeiro filho. Parece muita coisa pra pouca idade, né? E ainda tem muito mais. Vem conhecer a Malu Paes Leme, dona da história de hoje! 😉

      malu1

      “A minha relação com a alimentação vem de muito cedo, pois meu pai é um cozinheiro de mão cheia. Descobri o vegetarianismo há oito anos e tive que aprender na marra a preparar refeições sem carne. Sou a favor da comida de verdade e pra isso é preciso que a gente se reconecte com os alimentos naturais, consumindo-os cada dia mais nas nossas refeições”, conta a Malu.

      malu5

      Desde que começou a estudar nutrição vegetariana e a dividir esse conteúdo no blog, atualizado constantemente com receitas e dicas bem engajadas, a Malu iniciou também um caminho lindo na sustentabilidade e na permacultura.  Na verdade, ela acredita que todos esses temas estão ligadinhos e caminham lado a lado:

      malu3

      Permacultura é uma forma diferente de levar a vida, de se organizar e ter tudo o que precisamos de forma sustentável. Me formei no Instituto Pindorama e a sustentabilidade entra a partir do momento em que comemos alimentos caseiros e geramos um lixo quase 100% orgânico. A nossa produção, distribuição e armazenamento de alimentos hoje é completamente insustentável”, afirma.

      malu6

      A alimentação viva (a Malu prefere chamar de “alimentação inteligente”) é um termo usado aqui no Brasil pra alimentação crua, com alimentos germinados e brotos. A proposta é usar as várias linhas da alimentação da melhor maneira, com alimentos que passem por pouquíssimos processos, respeitando um consumo inteligente de ingestão calórica e nutricional de acordo com seu estilo de vida.

      malu4

      “É preciso que a gente veja de uma forma holística a nossa saúde. Hoje, grávida do meu primeiro filho, me sinto disposta, faço yoga pra gestantes, caminhadas, alongamento. O que a mulher grávida come durante a gestação influencia totalmente no paladar do bebê. Nesse tempo, minha alimentação foi focada em crucíferos, leguminosas e outras fontes protéicas”, conta.

      malu7

      A boa é ficar de olho nos alimentos básicos pro dia a dia, que nos dão tanto os micro quanto os macro-nutrientes. Anota aí: as frutas maduras e os vegetais, além de sementes e castanhas, são super acessíveis e os mais nutritivos como base alimentar pra gente. A Malu acredita que viver bem é viver uma vida simples e conectada com a verdade, aceitando a polaridade do mundo, mas trabalhando em prol da unidade! 😉

      1234567 (1)

      Pra quem quer conhecer mais da Malu (ela dá cursos e workshops sobre culinária inteligente, consciente e intuitiva), vale ficar de olho na página dela e no blog. É um mundo de boas informações. O papo fez a gente ver que dá pra ter uma vida melhor a partir de pequenas práticas do dia a dia, ou seja, nada de preguiça e muita disposição. Obrigada, Malu! ♥

      17.09.14