• Tire suas dúvidas sobre pedidos, trocas e devoluções.
    Atendimento nos dias úteis das 9h as 18h.
  • Receba dicas de estilo, via Whatsapp, para realizar uma compra personalizada!

sua mochila está vazia

    • o sitiê

      bola_vidigal

      Semana passada falamos da Brooklyn Grange, uma fazenda urbana que fica numa cobertura gigante em plena Nova York. Nessa mesma onda, fomos visitar um projeto igualmente verde e bacana, só que mais pertinho de casa, no morro do Vidigal.

      vidigal1

      Há alguns anos, ali perto do famoso bar Biroscão, funcionava um conhecido lixão. Seu Mauro Quintanilha, músico, morador e paisagista apaixonado, lembra com carinho quando, ainda criança, antes de virar depósito, brincava e colhia fruta do pé por lá – “ah, lar doce lar”!

      vidigal3

      Insatisfeito com a degradação, decretou que já era hora de mudar aquela situação. Ligou pra Comlurb, falou com a associação de moradores, mas a burocracia nunca deu uma mãozinha. Resolveu ele mesmo, mais o amigo Paulinho, colocar a mão na massa e lá foram os dois ‘na raça’.

      vidigal2

      O tempo foi passando e a ajuda foi aumentando. Voluntários e doações foram aparecendo e um parque ecológico começou a florescer (até uma horta cultivam por ali!). Dos pneus e das garrafas pet encontrados, a criatividade transformou em mesas, cadeiras e todo tipo de objetos reciclados.

      vidigal4

      Os animais também voltaram a aparecer e na mistura de ‘sítio’, apelido dado pelos moradores, com o pássaro habitué Tiê-sangue, nasceu o Parque Ecológico Sitiê.

      vidigal6

      Da Rio+20,  Seu Mauro ganhou a parceria do Pedro Henrique de Cristo e sua esposa Carol. Formado em Harvard e morador do Vidigal, o moço uniu forças com ex-alunos da universidade e juntos projetaram o futuro do espaço: um parque ecológico e de educação voltado para aprendizado e sustentabilidade.

      vidigal7

      Vai ter música, salas interativas com computadores, obras de arte, oficina de cozinha viva e tudo mais. O lugar, aliás, abre todos os dias pra visitação, das 10h às 18h, mas quem quiser saber mais um pouquinho pode entrar em contato pelo telefone (anota aí, ó 21- 97460-1000).  O Seu Mauro ou o Pedro atendem com o maior amor do mundo.

      Projeto lindo! 😉

      08.09.14