• Tire suas dúvidas sobre pedidos, trocas e devoluções.
    Atendimento nos dias úteis das 9h as 18h.
  • Receba dicas de estilo, via Whatsapp, para realizar uma compra personalizada!

sua mochila está vazia

    • Lançamento: FARM <3 OLODUM

      fotos: Helen Salomão

      Tem parceria que faz a gente derreter o coração. Essa é uma delas. No ano em que comemoram 40 anos, o Olodum generosamente abriu a casa e o legado pra gente morar junto. Criamos uma coleção lado a lado: das frases às modelagens; das cores à estamparia. E o resultado são peças cheias de história.

      João Jorge, presidente do Olodum

      “Estamos muito felizes. A coleção vai permitir que mais pessoas vistam-se de Olodum nesses 40 anos e que seja assim nos próximos 50, 100!”, conta João Jorge, presidente do Olodum.

      Cristina Rodrigues, ex-presidente do Olodum; primeira presidente mulher de um bloco afro

      A cartela de cor é predominantemente verde, vermelho, amarelo e preto, as cores do pan-africanismo. As simbologias relacionadas ao universo egípcio, trabalhadas em profundidade na musicalidade e nos estudos do bloco afro, fizeram parte da pesquisa para a coleção, além disso, letras de música como “Deusa do Amor”, foram ilustradas nas peças.

      Andreia Reis, percussionista da banda Olodum e primeira mulher maestrina de samba reggae no mundo

      “O carnaval é uma das expressões de cultura mais latentes do nosso país, e é uma paixão nossa. Quando pensamos em ‘Abre Asas’, pensamos também no sonho que seria desenvolver uma parceria com o Olodum por tudo o que o grupo representa em cultura e em reforço de identidade. Eles toparam e construímos tudo juntos, lado a lado: das frases às cores, das estampas às modelagens. Foi uma construção cheia de aprendizados!”, conta Katia Barros, diretora criativa da FARM.

      Às terças-feiras, tem Olodum no Pelourinho. É a terça da benção!

      Parte desses aprendizados poderá ser visto também no mini documentário que gravamos em Salvador e que terá sua primeira exibição na sexta-feira agora, dia 8, no evento de lançamento da coleção, na Escola Olodum, Pelourinho. Foi lá, aliás, que registramos as imagens desse post, assinadas pela Helen Salomão, fotógrafa baiana que somos fãs.

      Alaíde Conceição, a dona Alaíde do Feijão, é uma das personagens do mini documentário, assinado por Edgard Azevedo. Ela é uma das mais conceituadas quituteiras da Bahia.

      “Quando colocamos na coleção ativismos da vida humana, das flores, dos vegetais, da vida como ela é… abrangemos ainda mais gente. A coleção da FARM em parceria com o bloco aproxima o Olodum da juventude e estamos em busca de uma humanidade mais ampla. A coleção apresenta a possibilidade de desigualar para igualar. Aos 40 anos, o Olodum precisa criar coisas novas e inovar. É arriscar e se vestir de uma roupa nova. Essa coleção é uma roupa nova para o Olodum. É ousar e colocar o bloco da estética da rua!”, comenta o presidente.

      Tita Lopes, conselheiro do Olodum

      Jorge Amado já dizia “Olodum é a nova tenda dos milagres”, um combatente da inovação. O Olodum está no coração do Brasil profundo e no berço do Pelourinho, um dos lugares mais potentes da Bahia.

      Obrigada, Olodum, por ter embarcado nesse sonho com a gente. Tem presente melhor do que essa coleção?

      Corre pra garantir aqui e nas lojas!

      05.02.19