• Tire suas dúvidas sobre pedidos, trocas e devoluções.
    Atendimento nos dias úteis das 9h as 18h.
  • Receba dicas de estilo, via Whatsapp, para realizar uma compra personalizada!

sua mochila está vazia

      categoria: circularidade

    • Farm+Pantys

      uma parceria linda que a gente tem orgulho danado de compartilhar. um ciclo de amizade que uniu o melhor de nossas estampas com o conforto e tecnologia de uma calcinha absorvente moderna, hipoalergênica, confortável, higiênica e sustentável que só a Pantys tem!

      juntas desenvolvemos estampas exclusivas e, claro, modelos pensados especialmente para o seu tipo de fluxo e para diferentes tipos de corpos. tem a tanga para fluxo leve, biquíni para fluxo moderado e a amada hot pant para fluxo intenso.

      uma calcinha que além de ser super absorvente, é também à prova d’água, anti bactérias e feita de fibras naturais que deixa o tecido com aquele toque macio e proporciona o conforto que a gente tanto deseja para esses dias. ah, tem também tecnologia de secagem rápida. tudo para você ficar bem sequinha e tranquila!

      quanto tempo minha calcinha dura?

      olha, se você cuidar direitinho, ela dura em média 50 lavagens! ou seja,
      o equivalente a mais ou menos 2 anos! e todos os modelos possuem fundo de cor preta! basta cuidar como se fosse aquela roupa que você tanto ama. 🙂

      qual impacto positivo dessa calcinha para o planeta?

      uma pessoa que menstrua regularmente tem cerca de 450 ciclos menstruais ao longo da vida! ou seja, são 12.000 absorventes que descartamos, ou seja, 180 kg de lixo que levam 500 anos para se decompor. muita coisa né? usando pantys em 1 ano você reduz até 500 absorventes descartáveis que equivalem a R$ 400,00 e 4000g de li-xo!

      quem pode usar FARM + PANTYS?

      nossa parceria foi pensada para todas as pessoas que menstruam. isso mesmo! de todas as gerações, formas, gêneros e tamanhos. feito para toda pessoa que menstrua e deseja ressignificar seu consumo a cada novo ciclo! além de uma calcinha milagrosa, este também é um convite para um consumo mais consciente e sustentável.

      e aí, já pensou em começar um fluxo diferente daqui pra frente?encontre a calcinha que mais combina com você aqui

      09.02.21
    • Vem nessa pegada com a gente!



      Sabemos que a moda é uma das indústrias mais poluentes do mundo e consequentemente uma grande contribuinte para a crise climática e impacto ambiental. Mudar essa realidade fica mais fácil quando entendemos nosso papel enquanto marca e a partir daí fazer diferente. A gente  acredita que é nos primeiros passos que a gente gera mudança.

      A natureza sempre foi uma grande fonte de inspiração. Cultivamos o amor e o carinho pelas pessoas e pelo meio ambiente, buscando sempre uma atuação ética e responsável. Sabemos que se tornar uma marca sustentável é um percurso longo e que cada passo importa. De passinho em passinho, vamos avançando, revendo hábitos, ressignificando atitudes. Na FARM acreditamos que temos a obrigação de reduzir nosso impacto na produção de nossas peças.


      Já demos alguns passos importantes, promovendo transformações que começam na escolha de matéria-prima e também na produção de nossas peças. Dá uma olhadinha um pouco mais abaixo e vem conhecer um pouco mais desse cuidado com a gente!



      Qual a importância de usarmos algodão certificado?


      O algodão tem a vantagem de ser uma matéria-prima de origem natural e que pode ser reciclado. O algodão brasileiro, em sua grande parte, é cultivado sem necessidade de irrigação e por isso tem um baixo consumo de água na produção.

      O que é a certificação better cotton initiative (BCI)?

      É uma certificação internacional que atesta as relações trabalhistas justas e responsabilidade socioambiental no campo dentro dos pilares: melhoria contínua das boas práticas de produção, relações justas de trabalho, transparência e rastreabilidade para o mercado do algodão.


      O que é algodão brasileiro responsável (ABR)?

      Certificação brasileira que garante e promove boas práticas sociais, ambientais e econômicas no processo de produção. O algodão tem a vantagem de ser uma matéria-prima de origem natural e que pode ser reciclado. O algodão brasileiro, em sua grande parte, é cultivado sem necessidade de irrigação e por isso tem um baixo consumo de água na produção.

      Qual a importância de não usarmos químicos tóxicos?

      Existem diversas substâncias químicas que podem ser prejudiciais à saúde humana que já são de amplo conhecimento, por exemplo: uso de formol nos cabelos. No caso das peças de roupa, não é diferente. Usar químicos tóxicos tem o potencial não só de afetar pessoas, como também o meio ambiente. É essencial que sejam usadas substâncias certificadas e regulamentadas.

      O que são microplásticos?


      são pedacinhos bem pequenos de plástico, que chamamos de microplásticos quando são lavadas.  roupas feitas de fibras sintéticas, derivadas do petróleo, como: poliéster, poliamida, nylon, elastanoe lycra liberam.

      Por que é importante que ele não saia nas lavagens?

      A água utilizada nas lavagens, quando descartada após o uso, acaba levando esta poluição plástica para os rios e oceanos, aumentando a quantidade de partículas plásticas nele.


      O que é certificação FSC ?

      A certificação FSC (Forest Stewardship Council ou Conselho de Manejo Florestal) atesta a origem da madeira e que ela não é fruto de desmatamento. Ou seja, é proveniente de uma floresta manejada de forma adequada levando em consideração a conservação ambiental e desenvolvimento sustentável, no uso de matérias-primas florestais.

      O que é certificação ZDHC e qual a vantagem de ter em nossos produtos?

      A certificação ZDHC (Zero Discharge of Hazardous Chemicals, ou Descarte Zero de Químicos Perigosos ) atesta que NÃO usamos produtos químicos considerados perigosos em seu processo de fabricação de nossas roupas. a vantagem de termos essa certificação é especificar limites para substâncias presentes em formulações químicas utilizadas nas fábricas, garantindo o não uso de químicos perigosos, nos permite oferecer um produto que não apresenta risco ao consumidor e nem ao meio ambiente.

      O que é OEKO TEX STANDARD 100 ?


      Certificação internacional do setor têxtil que abrange suas fases do
      processo, desde a matéria-prima até o acabamento final dos tecidos. Certificando que os produtos sejam isentos de substâncias nocivas para a saúde humana.


      O que é Carbono Neutro?


      É a  compensação das emissões de carbono das coleções da FARM. E optamos fazer essa compensação por meio de plantio de árvores através do projeto 1000 árvores por dia!


      Qual a importância de ser feito no Brasil?

      Fazer nossas peças em território nacional é mostrar a potência e diversidade Brasil. Além de fortalecer a economia local, valorizar os produtos e tecnologias nacionais, fazendo nossa própria economia circular. Afinal, somos do Brasil para o mundo.

      Estamos despertando e abrimos os olhos para novas possibilidades de criar e produzir. Ainda há muito o que fazer, mas já demos passos importantes e seguiremos, a cada coleção, repensando nosso compromisso com nossos consumidores e com a natureza.

      O que a gente deseja é que você venha com a gente nesse movimento. Vamos?
      19.01.21
    • Verão 21 é sol, é sal, é FARM.

      Verão 21 é sol, é sal, é FARM!

      Nosso alto verão chegou e, andando em direção ao sol, lembramos dos passos que nos trouxeram até aqui. Olhamos por céu, pro mar, desejando um futuro mais leve, colorido, consciente. E de passinho em passinho queremos mostrar, a cada coleção, o melhor que podemos ser. Construindo uma FARM mais responsável e consciente em tudo que a gente faz, com escolhas mais bonitas pras pessoas e pra natureza.

      Além do lançamento das nossas peças de alto verão carregadas de muita bossa e cor, a gente tem orgulho de contar em primeiríssima mão que lançamos nossa página de sustentabilidade. Um espaço dedicado especialmente pra você acompanhar todos passos que a gente vem dado em direção a uma moda mais responsável.


      A gente bem sabe que sustentabilidade na FARM ainda é uma jornada. Aprendemos com os nossos erros e há 4 anos estamos comprometidos em gerar impacto positivo e fazer diferente. É bem provavél que não seremos capazes de mudar tudo de um dia para o outro, e que pode ser também que a gente erre ao longo da nossa caminhada, mas temos um combinado:não vamos parar de tentar sermos melhores a cada dia! Estamos abertos a crescer e acreditamos que aprendemos um com os outros todos-os-dias.

      Lançar uma coleção nova nesse momento de mundo tão delicado é um desafio. Conversamos muito sobre todas iniciativas que já vínhamos trabalhando, desde então. As parcerias, as mudanças na matéria-prima das peças, os comitês de diversidade, a relação com os fornecedores… Nos sentimos prontos para falar sobre isso, para abordar tudo isso em uma coleção que questiona o tempo presente como oportunidade de construir um futuro possível. Acreditamos no afeto e no cuidado com a natureza. É a partir disso que seguimos!”, Kátia Barros, diretora criativa da FARM.

      O nosso alto verão é sobre fazer brilhar a nossa energia mais colorida.
      É gente, natureza, cultura e circularidade. É 1000 árvores por dia, todos os dias. É pé na areia, é colorido, é sal, é sol! E pra dar mais bossa para o nossa verão, preparamos uma playlist pra deixar a energia e calor bem pertinho da gente. Confira:


      Aqui tudo começa e termina nas mãos de pessoas e a gente agradece a você que nos acompanhou até aqui. A cada nascer do sol é um lembrete que estamos em movimento.

      Alto Verão 21 FARM, feito pra você e pro mundo.

      05.11.20
    • mais consciência, menos lixo

      Cuidar da terra é também cuidar da nossa geração e gestão de resíduos. Sabemos que vivemos hoje em uma sociedade estabelecida no sistema linear de produção onde tudo tem um ciclo de vida e o fim provável é em aterros sanitários.

      Essa solução sobrecarrega a capacidade do ecossistema de decomposição e reposição de nutrientes no meio ambiente e gera a saturação dos sistemas de tratamento existentes. Por isso, a FARM se compromete, todos os dias, em adotar as melhores práticas do mercado a fim de reduzir a geração de resíduos e destinar adequadamente o que descarte inevitável, priorizando sempre a reciclagem e reuso.

      Lembre-se: reciclar, significa não só reutilizar, mas reutilizar de um novo jeito. Além de promover uma moda mais circular.

      Assim repensamos nossos hábitos do dia a dia para reduzir, reutilizar e reciclar os nossos resíduos. Para isso nos comprometemos em revisar continuamente nossas unidades, além de nos preocuparmos em como podemos orientar nosso time a ser mais consciente quanto ao lixo que produzem diariamente.

      Nosso escritório e unidades operacionais – fábrica e centro de distribuição – contam com coleta seletiva, com a segregação de materiais recicláveis e não recicláveis, garantindo a destinação adequada dos nossos rejeitos e o reaproveitamento dos materiais recicláveis que geramos.

      O que a FARM já vem fazendo?

      Nossos materiais recicláveis são doados para a cooperativa de catadores Transformando, localizada no bairro do Caju, Rio de Janeiro.

      Além disso, contamos com iniciativas de redução de resíduos recicláveis como a substituição integral de copos descartáveis, em parceria com Meu Copo Eco e Capim Eco Copo , por copos e xícaras reutilizáveis em todas as unidades (escritório, fábrica, centro de distribuição e Casa FARM). Para visitantes, estamos usando copos single use biodegradáveis de amido de milho e nossa meta em 2020 é distribuir para todos os nossos funcionários de todas as nossas unidades, incluindo lojas, soluções reutilizáveis

      Atualmente, em todas as lojas FARM a equipe de vendas usa copos próprios reutilizáveis ou garrafinhas. 

      Ah, e não podemos deixar de te contar que em 2019 instalamos no escritório, em parceria com o Ciclo Orgânico , uma composteira que nos permitiu uma redução de resíduo de poda do nosso jardim, restos de frutas e salada do nosso restaurante interno. E, além disso, reaproveitamos o composto gerado como adubo em nosso próprio jardim.


      O resultado?

      Fizemos a compostagem de em média 123 kg de resíduos orgânicos por mês, totalizando em 2019 mais de 1 tonelada de resíduo transformada em adubo, que é reutilizado em nosso jardim. E a casa FARM não fica de fora dessa. Em parceria com o Bibi Suco e o Vide Verde, 100% dos resíduos orgânicos gerados no restaurante dentro da Casa FARM também são compostados!

      E pra celebrar essa união incrível, a gente fez um mix do nosso compromisso com um planeta mais limpo e a brasilidade da nossa mais famosa casa de sucos e saiu uma playlist pra lá de especial. Se joga!

      Este é só o começo, acreditamos que todos os dias podemos fazer muito mais!

      04.11.20
    • somos agentes de mudança




      Estamos cada vez mais comprometidos com a circularidade e com a forma como desenvolvemos nossas coleções. Somos agentes de mudança e nos dedicamos em eliminar gradativamente o conceito de despedício. Entendemos que repensar a cadeia começa no desenho da estampa e produto, e temos como compromisso aproveitar ao máximo cada metro de tecido que compramos de acordo com a seguinte ordem de prioridade:

      › Desenvolvimento de estampas e modelagens que facilitam
      o encaixe das partes. Dessse jeito, o corte aproveita o máximo
      possível do tecido e reduz a geração de retalhos.

      › Criação de co-produtos (embalagens e acessórios) ou novas coleções de upcycling. Feitas a partir de sobras de tecidos ou de retalhos gerados no corte. E, claro, nosso aviamento (alfinetes, botão, elásticos) também não fica parado. Tudo ganha vida!

      › Revenda de sobras de tecidos.

      › Doação de tecidos e retalhos para artesanato.

      › Em último caso, o que é pequeno, ou irregular, demais,
      ou tem qualquer outra impossibilidade de reuso, a FARM
      se compromete a descartar em local adequado e de acordo
      com a legislação vigente.


      E as peças com problemas de qualidade, pequenos defeitos ou que
      após todo o ciclo de venda não são vendidas. Devem seguir
      a seguinte ordem de prioridade de destinação

      › Consertos e ajustes internos para revenda própria, interna
      ou externamente.

      › Descaracterização para desenvolvimento de coleções
      próprias de upcycling. Aliás, nossa última coleção estava linda demais. Conheça mais sobre ela aqui. 🙂

      › Revenda para empresas de conserto e revenda.

      › Doação para população em estado de vulnerabilidade.

      A circularidade é um pilar que faz a FARM parar e olhar com carinho pra dentro. Tudo isso que listamos acima é sobre desenvolver uma visão abrangente de como a gente faz moda e de como podemos ser melhores nisso, por todos nós e pelo planeta.

      Por isso nos comprometemos em levar os conceitos de uma economia circular desde o desenvolvimento de produto até o pós-consumo. Apostando em produtos recicláveis e biodegradáveis e em um modelo de negócio que inclua logística reversa e comercialização de produtos que reduzam o impacto ambiental ao longo de toda sua vida útil.

      Vem com a gente nessa!



      04.11.20
    • Circularidade na FARM

      Você já ouviu falar em circularidade ou moda circular?

      A moda hoje é baseada em um modelo linear de produção. retirada -> produção -> descarte. Esse modelo gera muito desperdício no processo produtivo e é prejudicial ao meio ambiente. Já a circularidade elimina o conceito de desperdício e reutiliza e/ou recicla materiais para que eles voltem ao sistema. 

      Na FARM, nos últimos anos, estamos mudando a nossa forma de fazer moda em busca de incorporarmos a circularidade nas etapas da nossa cadeia de valor e assim impactar positivamente o meio ambiente. Queremos aproveitar o máximo dos recursos, reduzindo emissões de carbono, repondo o que temos extraído ao longo desses anos e transformando resíduos em novos recursos. 

      Conheça aqui algumas das nossas iniciativas de Circularidade:

      • re-FARM + re-Roupa

      roupa que vira roupa. em 2017, a FARM iniciou a parceria com o re-Roupa, projeto desenvolvido pela Gabi Mazepa, que desenvolve coleções especiais transformando nossos tecidos de sobras de produção de coleções antigas e peças com defeito e sobras de aviamento em novos desejos. 

      até hoje, nas 3 coleções criadas, conseguimos transformar quase 5.000m de tecido em 2.367 peças novas e únicas.

      • FARM + Insecta:

      A Insecta Shoes, é uma marca brasileira, vegana e ecológica de calçados, que vem conquistando os corações de todo mundo.

      Em 2018 a equipe da Insecta mergulhou no baú da FARM e, em 2019, nasceu a nossa linda coleção de calçados <3 A colab FARM + Insecta nos permitiu ressignificar, de maneira muito especial, peças de roupa FARM antigas, que estavam paradas em estoque, e resíduos de tecido da produção e transformá-los em sapatos ecológicos. O projeto permitiu o reaproveitamento de 164,3 m2 de tecidos e, além disso, o solado dos sapatos foram feitos utilizando borracha reciclada, excedente da indústria calçadista. Incrível, né? 

      • FARM + Oficina muda:

      Após o desenvolvimento de coleções existem algumas peças com problemas de qualidade ou pequenos defeitos e também outras que após todo o ciclo de venda não são vendidas e se tornam descarte. E o que a FARM faz sobre isso?

      Desde 2017, mais de 100 mil peças já foram encaminhadas para a Oficina Muda que faz consertos e ajustes e as revende, dando a elas uma nova chance vida. 

      Atualmente 100% dos nossos excedentes são revendidos à Oficina Muda para serem ressignificados.

      • Rede Asta (doação de resíduo têxtil)

      Há 12 anos a Rede Asta transforma restos de tecido em matéria prima. O negócio social faz com que artesãs sejam, também, empresárias. 

      Aqui na FARM doamos 100% do nosso resíduo têxtil gerado na ponta de corte para a Rede Asta. Com essa parceria, nossas sobras de tecidos viram lindos produtos pelas mãos de 160 artesãs de 41 grupos produtivos, no Rio de Janeiro. A estimativa é que cada quilo de tecido doado gere R$ 18,80 de renda pra elas. 100% das artesãs afirmaram que tiveram aumento de renda a partir das doações e, somente em 2019*, as doações geraram R$ 78.740,00 de renda para esses grupos. 

      Em dois anos doamos quase 25 toneladas (24.948,63 quilos) de resíduos. maravilhoso, né ?

      *relatório de impacto rede asta 2019 

      • FARM + Banco de tecidos e Nosso Tecido:

      Xô desperdício de matéria-prima! O Banco de Tecidos e o Nosso Tecido são nossos parceiros oficiais de revenda sobras de matéria prima FARM. 

      Mais de 30 mil m2 (33.513,15 m2) de sobras de rolos de tecidos FARM foram doados em 2018 e 2019. Sabe as bombers que amamos? Com essa quantidade de tecido é possível fazer mais de 17 mil* bombers em média. Através da venda dos tecidos contribuímos pra moda circular, permitindo que cada metro ganhe um novo significado.

      *considerando gasto médio da bomber FARM 1,5m de tecido/peça

      30.10.20
    • Ressignificando com amor

      E se os nossos antigos tecidos se transformassem em novos desejos? Foi pensando nisso que o nosso time do estilo FARM desenhou a nova coleção de upcycling.

      Dando movimento ao que estava parado, criando um novo começo, ressignificando com amor.

      Estamos cada vez mais comprometidos com a circularidade e com a forma como desenvolvemos nossas coleções e, por isso, nos dedicamos em eliminar gradativamente o conceito de despedício. Desde o design das peças, passando pela extração e beneficiamente de matéria-prima, produção e costura, até a peça final com a nossa etiqueta. Desse forma, acreditamos que ser sustentável é um compromisso não somente com as nossas consumidoras, mas principalmente com o mundo.

      Neste processo de olharmos para dentro, vimos que muita coisa ainda despertava desejo.Lembra aquela estampa que você amou? Ela está de volta e de cara nova! 21  estampas atemporais escolhidas para você reviver novos momentos e com muita criatividade transformamos 1.940 metros de tecidos em 740 novos desejos!

      Mas não para por aí, fomos além. Afinal, nosso borogodó também tá no detalhe! Tá no botão, na ponteira ou aquele elástico que deixa o caimento das peças a nossa cara. E como nada fica parado, 100% do nosso aviamento foi reaproveitado.

      Mas nada seria possível se não fosse o time o time do estilo FARM quem em apenas 6 meses – tempo recorde,  foi capaz de desenvolver e viabilizar essa coleção. Nosso novos desejos é um convite para olharmos para dentro e criarmos, juntos, novos ciclos, pra você e pro mundo.

      Um projeto realizado com muito amor por Ana Paula Barbosa, Isa Neves, Aline Britto,  Juliana Assayag, Bianca Andolphi e Juliana Oliveira.

      Ah, e essa é coleção é exclusiva online! Corre para o site e descubra um novo jeito de se vestir, cheio de propósito e, claro, sem perder sua identidade!

      Mais que uma peça, é sobre cuidar do planeta e curtir seu próprio estilo.

      06.10.20